Start Listening

PATATIVA do ASSARÉ, o POETA e o JORNALISTA

Written by
Narrated by
Ratings:
1 hour

Summary

Neste audiolivro, o registro de conversas em momentos diferentes entre o cearense Patativa do Assaré e o para ibano Assis Ângelo. São momentos lúdicos, francos, bonitos, nos quais o poeta de Assaré, com a simplicidade dos mestres, dos grandes, revela ao jornalista sonhos e medos como o da dor; e não do morrer, em si.



Ele declama, canta, faz chacota, ri. Brinca e deixa claro que sabe da importância da sua poesia com o instrumento de transformação social. Conta das suas origens no campo e do seu amor à terra. Lembra detalhes da vida, da dureza do sol e das injustiças que viu seu povo sofrer. Foi poeta violeiro, cordelista, poeta maior.



O primeiro livro publicado foi Inspiração no rdestina, em 1956. o primeiro poema gravado foi a Triste Partida, em ritmo de toada, pelo rei do baião Luiz Gonzaga, em 1964. Depois, Fagner produziria discos com poemas seus e gravaria a canção Vaca Estrela e Boi Fubá, clássico regravado por Rolando Boldrin, Sérgio Reis, Pena Branca & Xavantinho e tantos.

Read on the Scribd mobile app

Download the free Scribd mobile app to read anytime, anywhere.