You are on page 1of 22

EDUCACIONAL

Física
Óptica
REFRAÇÃO

01. Construa a imagem de um objeto luminoso P conjugada por Resolução:


uma lâmina de faces paralelas constituída de vidro e imersa P'
P
no ar.
N1
N2

vidro
Observador

Note que a lâmina conjuga uma imagem P' mais próxima da lâmina.

02. Um raio de luz monocromático atinge uma lâmina de faces Resolução:


paralelas que se encontra imersa no ar sob um ângulo de
incidência de 60°. Sabendo que o raio refratado no interior
da lâmina forma com a normal um ângulo de 30° e que a sen i sen 60°
a) = N Lâmina ∴ N Lâmina =
espessura da lâmina é de 5 mm, determine: sen r sen 30°

a) o índice de refração do material que constitui a lâmina;


b) o ângulo que o raio emergente forma com a normal na 3
segunda face; N Lâmina = 2 = 3
1
c) o deslocamento lateral sofrido pelo raio de luz.
2

b) i' = i = 60°

e sen (i − r)
c) d =
cos r

1
5 sen (60° − 30°) 5 sen 30° 5.
d = = = 2
cos 30° cos 30° 3
2

5 3
∴d = mm
3

FISCOL3403-R 1
2 FÍSICA ÓPTICA
EDUCACIONAL

03. (UNISA) Um raio luminoso monocromático incide numa 06. (PUCC) Uma lâmina de vidro, de faces paralelas, está
lâmina de faces planas e paralelas, imersa no ar, de 4,00 cm imersa no ar. Dois raios luminosos monocromáticos (1) e
de espessura e índice de refração 1,5 sob um ângulo de 45°. (2) incidem sobre uma das faces da lâmina, conforme o
Ao sair da lâmina, o raio luminoso faz com a normal um esquema abaixo.
ângulo de: (2)
a) 30° (1)
b) 45°
c) 60°
d) 75°
e) nda

Resolução: Os percursos desses raios luminosos, ao atravessarem a


lâmina, estão melhor representados no esquema:
i = i'
Alternativa B
a) (2) b) (1) (2)
(1)
04. (PUC) Através de um vidro comum transparente, de vidraça,
observa-se:
a) uma imagem real do exterior
b) uma imagem virtual do exterior (2') (2') (1')
(1')
c) o exterior diretamente, e não uma imagem
d) uma imagem real e deslocada do exterior
e) nda (2) (2)
c) (1) d) (1)
Resolução:
Obrigatoriamente ocorre refração.
Alternativa B
(1') (1')
(2')
(2')
05. (FUVEST) Um menino possui um aquário de forma cúbica.
À noite ele joga pó de giz na água para observar a trajetória
do feixe de luz de uma lanterna. Os três esquemas abaixo (1) (2)
e)
representam supostas trajetórias para um estreito feixe de
luz que atravessa o aquário.

(1') (2')

Resolução:
1 2 3
O raio (2) não sofre desvio e o (1) se aproxima da normal na 1a
Quais desses esquemas são realizáveis? refração e se afasta da normal na 2a refração.
a) 1e2 Alternativa C
b) 2e3
c) só 1
d) só 2
e) só 3
Resolução:
No esquema (1) deveria haver desvio e no esquema (2) não.
Alternativa E

FISCOL3403-R
EDUCACIONAL
ÓPTICA FÍSICA
3
07. (FAAP) Um raio luminoso incide sob um ângulo de 60º sobre Resolução:
a superfície de uma placa de vidro com 2 cm de espessura,
NAr sen i = NV sen r
cujo índice de refração vale 3 . O meio em que a placa está
imersa é o ar. Determinar o deslocamento lateral do raio
luminoso emergente. 1 . sen 60º 3/2 1
sen r = = = ⇒ r = 30º
3 3 2
i = 60°
N

e sen (i − r) 2 . sen (60 − 30) 2 3


d= = = 2 tg 30º = = 1,15 cm
cos r cos 30º 3
2 cm
n= 3

08. Na substância A, a velocidade da luz é de 250 000 km/s; Resolução:


na B, 200 000 km/s; e no vácuo, 300 000 km/s.
Daí concluímos que: VA 250 000 5
NB,A = = =
VB 200 000 4
a) o meio A é mais denso que o meio B
b) o índice de refração absoluto do meio A vale 5/6 e do B
Alternativa D
2/3
c) o índice de refração absoluto do meio B é menor que o
do meio A
d) o índice de refração relativo do meio B em relação a
A vale 5/4
e) quanto maior for a velocidade da luz em um meio
material, tanto maior será seu índice de refração absoluto

09. (UF-GO) Das afirmações: Resolução:

I. A maior velocidade conhecida é a velocidade de


propagação da luz no ar. I. falso → a luz se propaga mais rapidamente no vácuo
II. Índice de refração absoluto de um meio é a razão entre
a velocidade de propagação da luz no vácuo e a II. verdadeira
velocidade de propagação da luz no meio considerado.
III. Não é possível existir índice de refração (absoluto)
menor do que 1. III. verdadeira
IV. Quando se diz que um meio A é mais refringente que um
meio B, deve-se entender que o índice de refração de IV. falso → N A > NB
B é maior que o de A.
V. O arco-íris se forma, durante ou após a chuva, em virtude
da refração e reflexão da luz solar ao encontrar gotículas V. verdadeira
de água na atmosfera.
Alternativa E
Podemos afirmar que:
a) somente I e II são corretas.
b) somente I, II e III são corretas.
c) somente I, II, e IV são corretas.
d) somente II, III, IV e V são corretas.
e) somente II, III e V são corretas.

FISCOL3403-R
4 FÍSICA ÓPTICA
EDUCACIONAL

10. (UC-MG) O fato de um brilhante (diamante lapidado) Resolução:


apresentar maior brilho do que sua imitação feita de vidro
é devido: Se ND > NV ⇒ LD < LV

a) ao ângulo limite do diamante ser maior que o do vidro Logo, ocorrem mais reflexões totais dentro do diamante.
b) ao comprimento de onda da luz no vidro ser menor que
no diamante Alternativa C
c) ao índice de refração do diamante ser maior do que o do
vidro
d) ao vidro não oferecer bom polimento
e) a não se poder lapidar um vidro com a mesma geometria
permitida pelo diamante

11. Qual das figuras seguintes representa o trajeto de um raio Resolução:


de luz que passa do meio P ao meio Q, ambos com o mesmo
índice de refração absoluto ? Se NP = NQ ⇒ não há refração.

a) P Q b) P Q c) P Q Alternativa E

d) P Q e) P Q

12. Analise as figuras. Das trajetórias tracejadas para o raio Resolução:


luminoso, as possíveis são:
No 1o caso, o raio refratado deve se aproximar da normal.
4
5 No 2o caso, o raio rafratado deve se afastar da normal.
ar ar 6
Alternativa E
1 vidro
2 vidro
3

a) 1e4
b) 1e6
c) 2e5
d) 3e4
e) 3e6

FISCOL3403-R
EDUCACIONAL
ÓPTICA FÍSICA
5
13. (FAAP) Um raio luminoso passa do vidro para o ar, sendo Resolução:
o ângulo de incidência 30º e o de emergência 45º. sen r sen 45º 2 /2
Calcule o índice de refração do vidro em relação ao ar. NV sen i = NAr sen r ⇒ NV = = = = 2
sen i sen 30º 1/ 2

14. (UNISA) Certa luz monocromática apresenta velocidade Resolução:


2,4 x 108 m/s na água e 1,8 x 108 m/s no vidro. Um raio de luz c 3 x 108 5
dessa cor que se propaga no vidro, ao incidir na superfície NV = =
VV 1,8 x 108
= 3
de separação entre o vidro e a água segundo ângulo de
incidência 60º: c 3 x 108 5
NA = = 8 = 4
VA 2, 4 x 10
a) emergirá sob ângulo de refração 30º
N menor 5/ 4 5 3
3 sen L = = = . = 0,75
N maior 5/ 3 4 5
b) emergirá sob ângulo de refração θ = arc sen
3 sen 60º = 0,87
c) emergirá segundo a normal
d) sofrerá alteração na freqüência Logo, 60º > L
e) sofrerá reflexão total
Alternativa E

15. (MACK) Um raio luminoso que se propaga no ar (índice de Resolução:


refração = 1) atinge a superfície da água como mostra a
figura. Um mergulhador no interior da água vê esse raio
formando 60º com a superfície livre da mesma. O índice de
refração dessa água vale: 30º i = 60º

60º r = 30º
1
a)
3
b) 3

3 30 o ar
c) água
3
d) 3 sen i N Ag sen 60º 3/2
= ⇒ = = 3
sen r N Ar sen 30º 1/ 2
2
e)
3 Alternativa B

16. (UFU-MG) Um recipiente contém dois líquidos A e B Resolução:


não-miscíveis, de densidades diferentes. O líquido B
ocupa o fundo do recipiente e tem índice de refração N menor 1,33
sen L = = = 0,95
n B = 1,33; o líquido A tem índice de refração n A = 1,4. N maior 1,4
Quais as condições para que haja reflexão total?
∴ L = arc sen 0,95

A luz deve estar se propagando no meio A e deve atingir a superfície


de separação entre os líquidos com ângulo de incidência maior que o
ângulo limite.

FISCOL3403-R
6 FÍSICA ÓPTICA
EDUCACIONAL

17. De um barco, um observador que olha perpendicularmente Resolução:


para baixo vê um peixe que parece situar-se a 60 cm da
superfície livre da água límpida e tranqüila de um lago. dI N d I . Nobj 60 . 4 / 3
Sabendo-se que para a água o índice de refração é n = 4/3, = obs ⇒ d0 = = = 80 cm
d0 Nobj Nobs 1
a profundidade em que realmente o peixe se encontra é:

a) 20 cm Alternativa D
b) 45 cm
c) 60 cm
d) 80 cm
e) nda

18. (UF-ES) O índice de refração do meio 1 é menor que o Resolução:


do meio 2: n1 < n2 . Um raio luminoso que incide em S,
conforme a figura, seguirá o caminho. O raio luminoso se aproxima do normal na 1a refração e se afasta na 2a.

meio 1 Alternativa B
a) A
b) B (S)
c) C
d) D
e) E meio 2
E
meio 1 C D
A B

19. (FCC) Passando do vácuo para o interior de um certo meio Resolução:


transparente, o valor da velocidade de propagação de uma
luz monocromática diminui 20%. O índice de refração c c 1
absoluto do meio, para essa luz monocromática, é igual a: N= = 0,8c = 0,8 = 1,25
V

a) 0,80 Alternativa E
b) 1,00
c) 1,10
d) 1,20
e) 1,25

20. Um raio de luz I, que se propaga no ar, atinge um bloco de Resolução:


vidro de forma semicilíndrica, no ponto O, localizado no
centro da face XY. O raio que melhor representa a trajetória O raio sofre refração na 1a face e não sofre desvio na 2a face.
depois da incidência em O é:
A Alternativa C
B

X
C

D
a) A 0
b) B
c) C
d) D I E
e) E
Y

FISCOL3403-R
EDUCACIONAL
ÓPTICA FÍSICA
7
21. Um feixe de luz monocromática passa do líquido X para o Resolução:
vidro Y e volta novamente para o líquido X como mostra a
figura abaixo. Em qual meio, X ou Y, a velocidade da luz é No vidro (Y) a velocidade da luz é maior, pois o raio de luz, ao penetrar
maior? Justifique a sua resposta. neste, afasta-se da normal, indicando ser ele menos refringente que o
líquido X.
líquido X

vidro Y

líquido X

22. (Cesgranrio-RJ) Um raio de luz monocromática passa de Resolução:


um meio (1) para um meio (2) e deste para um meio (3),
conforme indicado na figura abaixo. N3 < N1 < N2 ⇒ V2 < V1 < V3

meio (1) (V1)


S1
meio (2) (V2)

S2
meio (3)

(V3)

Ordene as velocidades de propagação da luz nestes três


meios V1, V2 e V3.

23. (FAAP) Um raio luminoso que se propaga no ar atinge a Resolução:


superfície livre de um líquido em repouso segundo um N Ar . sen i 1 . sen 60º
ângulo de incidência de 60°. Sabendo-se que o ângulo de NAr sen i = N sen r ⇒ N = =
sen r sen 30º
refração correspondente vale 30°, determine o índice de 3/2
refração deste líquido. O índice de refração do ar vale 1. N=
1/ 2
= 3

24. (UNIMEP) Em um dado dioptro, para uma incidência de Resolução:


45° no segundo meio, obtém-se emergência rasante no
primeiro. Qual o índice de refração do segundo meio em N2 sen i
N1 sen i = N2 sen r ⇒ =
relação ao primeiro? N1 sen r

sen 45º 2
∴ N2,1 = =
sen 90º 2

FISCOL3403-R
8 FÍSICA ÓPTICA
EDUCACIONAL

25. (MACK) Um raio luminoso vertical atinge a superfície de um Resolução:


bloco de vidro imerso no ar, conforme a figura. O desvio do
raio refratado em relação ao incidente é 15°. O índice de NA sen i = NV sen r
refração do vidro é: sen 45º = NV . sen 30º 45º

2 2
a)
2 2
NV = = 2
45° 1
b) 2 2
c) 2 2
15º 30º
Alternativa B
3
d)
2
e) 3 vidro

26. (PUC) O índice de refração de um certo meio é 2 para a luz Resolução:


vermelha e 3 para a violeta. Dois raios luminosos NVe sen i = NA . sen rVe
monocromáticos, um vermelho e outro violeta, após
propagarem-se no meio considerado, passam para o ar. 2
2 . sen 30º = sen rVe ⇒ sen rVe = ⇒ rVe = 45º
O ângulo de incidência de ambos é de 30°. O ângulo formado 2
pelos dois raios refratados entre si vale: NVi sen i = NA sen rVi

a) 0° sen 30° = 1/2 3


3 sen 30º = sen rVi ⇒ sen rVi = ⇒ rVi = 60º
b) 15° sen 45° = 2 / 2 2
c) 30° ∴ α = 60 − 45 = 15º
d) 45° sen 60° = 3 / 2
e) 60° Alternativa B

27. (FUVEST) A figura ilustra um raio de luz proveniente do ar, Resolução:


penetrando perpendicularmente na face AB de um diamante
lapidado, com índice de refração 2,4. c c 3 x 108
a) N = ⇒ V= = = 1,25 x 108 m/s
Velocidade da luz no ar: 3 x 108 m/s. V N 2, 4

A B
N menor 1
A B b) sen L = = = 0,42
N maior 2,4
135°

2
i = 45º ⇒ sen i = = 0,71
2

∴ i > L ⇒ reflexão total no interior do diamante

a) Qual a velocidade da luz no interior do diamante?


b) Represente a trajetória do raio até sair do diamante.

FISCOL3403-R
EDUCACIONAL
ÓPTICA FÍSICA
9
28. (MED-Taubaté) Um peixe dentro da água vê o Sol inclinado Resolução:
de 30° com a vertical. Supondo que o índice de refração 30º
N1 sen α = N2 sen 30º
absoluto da água seja 2 , qual a inclinação real do Sol em α
relação à vertical? N1 = 1
1
sen α = 2 . N2 = 2
2
2 30º
sen α = ⇒ α = 45º
2

29. (PUC) No esquema, ABCD representa uma secção transversal Resolução:


de um tanque de profundidade h, cheio de água. Um
observador, inicialmente em D, começa a se afastar do Para ângulos de observação cada vez maiores em relação à normal, a
tanque na direção DE. profundidade observada será cada vez menor.

Alternativa E

A D E

B C

Chamando de h1 e de h2, respectivamente, as profundidades


aparentes do ponto B, para o observador em D e E, pode-
se afirmar que:

a) h1 = h 2 > h
b) h1 = h 2 < h
c) h1 ≠ h2 com h1 > h e h2 > h
d) h1 < h 2 < h
e) h2 < h 1 < h

30. (UNICAMP) Um peixe, nadando de manhã num lago calmo Resolução:


de água transparente, vê o Sol em uma posição angular de 90 − α
53° em relação à horizontal. sen 53º = 0,8 ⇒ cos 53º = 0,6
sen 53° = 0,8 e α 53º

sen 37º = 0,6 53º


a) Sabendo-se que o índice de refração da água é 4/3, 37º
determine a posição angular verdadeira do Sol em relação cos 37º = 0,8
ao horizonte.
a) N1 sen (90 − α) = N2 sen 37º
b) Se naquele local o Sol nasce às 6 horas e se põe às
18 horas, que horas são, aproximadamente, quando o 4
sen (90 − α) = . 0,6 = 0,8 ⇒ 90 − α = 53º
peixe avista o Sol na situação do item anterior? Admita 3
que a trajetória do Sol em relação à Terra é descrita com ∴ α = 90 − 53º = 37º
velocidade constante.
b) 180º —— 12h 
37º —— ∆t  ⇒ ∆
t = 2,47h = 2h28min

∴ São 8h28min

FISCOL3403-R
10 FÍSICA ÓPTICA
EDUCACIONAL

31. (PUCC) Uma moeda está no fundo horizontal de um recipiente Resolução:


que contém líquido até uma altura H. Observando-se a
N1 sen i = N2 sen r
moeda sob um ângulo de 60° com a vertical, sua imagem 60º
N1 = 1
sofre uma elevação aparente (vertical) de 3 cm. O índice de
refração do líquido em relação ao ar é 3 . Determinar o valor
sen 60º = 3 . sen r N2 = 3 30º  
r  H − 3
da altura H. 3  
2 1  H
sen r = =  3 cm 
a) 1,5 cm 3 2 

b) 3,4 cm ∴ r = 30º 1424
3
x
c) 5,3 cm
d) 4,5 cm x 3 H−3
tg 30º = ⇒ x=H. ⇒ tg 30º =
e) 6,0 cm H 3 x

H−3 3 H 3
Logo, = ⇒ (H − 3) . 3 = 3 .
3 3 3
H.
3

3H − 9 = H ⇒ 2H = 9 ⇒ H = 4,5 cm

Alternativa D

32. (ITA) Um reservatório cúbico de paredes opacas e arestas Resolução:



a ≅ 40 cm acha-se disposto de tal maneira que o observador 
não vê o seu fundo. A que nível mínimo devemos preencher N1 sen 45º = N2 sen r 
esse cubo com água para que o observador possa ver uma 45º 
N1 = 1  40 cm
mancha negra, pontual, M, que se encontra no fundo do 
recipiente, a uma distância b = 10 cm do ponto D ? 2 N2 = 1,33  
2 r  H
sen r =
1,33
= 0,531  
índice de refração para a água, na {
M 10 cm
região do visível, n ≅ 1,33
∴ cos r = 1 − 0,5312 = 0,847
1424
3
H
C
A sen r 0,531
Logo, tg r = = = 0,628
cos r 0,847
a ≅ 40 cm

H − 10
B M D Mas tg r = ⇒ H tg r = H − 10
H

b ≅ 10 cm H(1 − tg r) = 10

10
a) 21 cm H= = 26,87 cm
1 − tg r
b) 27 cm
c) 32 cm
Alternativa B
d) 18 cm
e) nda

FISCOL3403-R
EDUCACIONAL
ÓPTICA FÍSICA
11
33. (FGV) Um raio de luz i incide sobre dois blocos paralelos, Resolução:
um de vidro e outro de plástico, imersos no ar, e emerge
para a face inferior. O conjunto vidro/plástico funciona como duas lâminas de faces
paralelas.
Sendo nv e np os índices de refração do vidro e do plástico,
Alternativa A
pode-se afirmar que o raio emergente:
i
a) sempre será paralelo a i
b) será paralelo a i se nv < np
c) será paralelo a i se nv = np
d) será paralelo a i se nv > np
e) nunca será paralelo a i vidro

plástico

34. (Santa Casa) Sabe-se que os índices de refração absolutos Resolução:


do ar, benzeno e lucite são, respectivamente, 1,00; 1,50 e
1,50, para uma luz alaranjada cujo comprimento de onda é O raio refratado se aproxima da normal ao penetrar no benzeno, não
5,9 x 10−7 m, no vácuo. Um raio de luz alaranjada sofre refração ao penetrar no lucite e se afasta da normal ao voltar para
o ar.
atravessa um tanque de vidro contendo um bloco de lucite
que está imerso em benzeno. O diagrama que melhor Alternativa B
representa a trajetória do raio luminoso esquematizado é:

a)

b)

c)

d)

e) nda

FISCOL3403-R
12 FÍSICA ÓPTICA
EDUCACIONAL

PRISMA ÓPTICO

35. Um prisma apresenta ângulo de abertura de 75o. O material 36. Qual das seguintes figuras melhor representa a trajetória
de um raio de luz através de um prisma de vidro imerso
que o constitui tem, para uma determinada luz no ar?
6
monocromática, índice de refração (≅ 1, 22). Um raio de
2 a)
luz atinge uma das superfícies do prisma sob um ângulo de
6
incidência de 60o. Dado: sen 38o =
4

75°
N1 b)
i = 60°

Sabendo que o prisma está imerso no ar, calcule:

a) o ângulo de refração na primeira face do prisma


b) o ângulo de incidência na segunda face do prisma
c)
c) o ângulo de refração na segunda face (ângulo de
emergência da luz)
d) o desvio total sofrido pelo raio de luz ao atravessar o
prisma

Resolução:

d)
3
sen i sen 60° 6 6
a) = Np ⇒ = ⇒ 2 = ⇒
sen r sen r 2 sen r 2

3 1 2
sen r = sen r = = r = 45°
6 ⇒ 2
2 ∴

b) r + r' = A ⇒ 45° + r' = 75° ∴ r' = 30° e)

sen i ' sen i ' 6


c) = Np =
sen r ' ⇒ sen 30° 2 ⇒
sen i ' 6 6
= sen i ' = i' = 38°
1/ 2 2 ⇒ 4 ∴ Resolução:

d) δ = i + i' − A ⇒ δ = 60° + 38° − 75° = 23° O raio de luz se aproxima da normal na 1a refração e se afasta da
normal na 2a refração.

Alternativa A

FISCOL3403-R
EDUCACIONAL
ÓPTICA FÍSICA
13
37. A figura abaixo representa um raio de luz que atravessa um Resolução:
prisma que se encontra imerso no ar. Determine o índice de
refração do material que constitui o prisma. NAr sen i = Np sen r

1 . sen 60º = Np sen 30º


75°
3 1
= Np . ⇒ Np = 3
2 2
60°
30°

38. (MACK) Um raio de luz monocromática incide em um prisma Resolução:


que está imerso no ar, segundo o desenho abaixo. O índice
1a refração:
de refração do material que constitui o prisma é:
N1 sen 45º = N2 sen r1 


2 2a refração  r1 = r2 = 30º
a) 60°  60º
2 N2 sen r2 = N1 sen 45º 
45° 45°
b)
3 ∴ N1 sen 45º = N2 sen 30º 45º 45º
r1 r2
2
sen 45º 2 /2
c) 2 N2 =
sen 30º
=
1/ 2
= 2 N1
N2
d) 3 Alternativa C
e) impossível a determinação, pois faltam dados

39. Um raio luminoso monocromático penetra na face AB de um Resolução:


prisma imerso no ar, conforme sugere a figura. O ângulo que 60º
o raio emergente faz com a normal à face AC e o ângulo entre ∴ x = 60º (desvio)
os prolongamentos dos raios emergente e incidente (desvio) x
valem, respectivamente: i'= 60º
60º 60º 120º 60º 60º
A 30º 30º
Alternativa C
a) 90° e 120°
b) 60° e 120°
60°
c) 60° e 60°
60°
d) 30° e 60° 30°
e) 30° e 90°
B C

40. (FUVEST) O esquema representa um bloco de vidro com Resolução:


uma cavidade prismática vazia e a trajetória percorrida por
um raio de luz incidente no ponto A. a)
B

60° B 60 o 60 o
90° 60 o
B 60º
60° A 30º 30º
60º
vidro vidro b) NV . sen 30º = NAr . sen 60º 60º

60° 60° 60° 60°


1 3
NV . =1. ⇒ NV = 3
2 2
a) Desenhe a trajetória de um outro raio que entra na
cavidade, no ponto B, perpendicularmente à face.
b) Calcule o índice de refração do vidro.

FISCOL3403-R
14 FÍSICA ÓPTICA
EDUCACIONAL

PRISMAS DE REFLEXÃO TOTAL 43. (FCC) Quatro raios luminosos paralelos, M, N, P e Q,


incidem perpendicularmente numa face de um prisma que
41. (FUVEST) Alguns instrumentos de óptica utilizam prismas dá origem aos raios emergentes 1, 2, 3 e 4, conforme a
de reflexão total como espelhos, como no caso da figura. O figura. A correspondência entre raios incidentes e os
mínimo valor do índice de refração do vidro deste prisma respectivos emergentes é melhor representada por:
deve ser, aproximadamente: Q

P
a) 2,00 45° 45°
b) 1,73 l M

c) 1,41 raio vidro raio N


incidente emergente 1
d) 1,00 90°
2
e) 0,707
3

Resolução: l 4

i>L (i = 45°) ⇒ 45° > L ⇒ sen 45° > sen L a) (M; 1), (N; 2), (P; 3) e (Q; 4)
b) (M; 2), (N; 3), (P; 4) e (Q; 4)
2 1 2
> ⇒ Np > Np > 2 = 1,41 c) (M; 4), (N; 1), (P; 2) e (Q; 3)
2 Np 2 ∴ d) (M; 3), (N; 4), (P; 2) e (Q; 1)
Alternativa C e) (M; 4), (N; 3), (P; 1) e (Q; 2)
Resolução:
42. (MACK) Dois prismas idênticos encontram-se no ar Os raios emergentes têm que ser simétricos aos incidentes em
dispostos conforme a figura. O raio luminoso proveniente relação à aresta do prisma.
do ponto P segue a trajetória indicada e atinge o ponto Q. Alternativa E
Neste caso, podemos afirmar que:
44. (PUC) Um raio de luz I incide num prisma de 45°, cujo
45°
índice de refração em relação ao ar é 1,60, de acordo com a
figura. Na face AB, o raio de luz deve:
A
Q
P
45°
I
45°
ar
a) o ângulo-limite do material desses prismas é 90° ar
b) o ângulo limite do material desses prismas é inferior
a 45° 45°
C ar B
c) o ângulo-limite do material desses prismas é superior
a 45° a) refratar com ângulo maior que 45°
d) os prismas são constituídos de material de índice de b) refratar com ângulo menor que 45°
refração igual a 1 c) refletir com 45° emergindo da face CB
e) os prismas são constituídos de material de índice de d) refletir voltando sobre si mesmo
refração menor que 1 e) continuar sua trajetória sem alterar a direção
Resolução:
Resolução:
N menor 1
i = 45º > L (para que ocorra reflexão total) sen L = N = 1,6 = 0,625
maior
Alternativa B
2
i = 45º ⇒ sen 45º = = 0,87
2
Logo, i > L
Alternativa C

FISCOL3403-R
EDUCACIONAL
ÓPTICA FÍSICA
15
45. Um prisma de reflexão total possui ângulo de abertura de 30°. Resolução:
Determine o mínimo valor para o índice de refração do A > L ⇒ 30º > L ⇒ sen L < sen 30º
material que o constitui.
1 1
Np < 2 ⇒ Np > 2

ANÁLISE DO DESVIO
EM FUNÇÃO DO ÂNGULO DE INCIDÊNCIA

46. Um prisma de índice de refração 2 possui um ângulo de Resolução:


refringência de 60°. Determine o ângulo de incidência que
produz o desvio mínimo. A = 2r = 60° ∴ r = 30°

Pela lei de Snell-Descartes, temos:

sen i sen i sen i


= Np ⇒ = 2 ⇒ = 2
sen r sen 30° 1/ 2
2
sen i = ⇒ i = 45°
2

47. Qual o gráfico que melhor representa o desvio sofrido por Resolução:
um raio luminoso em função do ângulo de incidência em um
prisma ? Pela teoria ⇒ Alternativa D

a) D b) D

i i

c) d)
D D

i i

FISCOL3403-R
16 FÍSICA ÓPTICA
EDUCACIONAL

48. (FATEC) Um prisma tem ângulo refringente A, índice de Resolução:


refração n, e é atravessado por um pincel de luz conforme o
esquema ao lado. Assinalar a proposição incorreta. Quando i1 = i2, o desvio δ é mínimo.

Alternativa A
A
δ

i1 r1 r2 i2

a) Quando i1 = i2, o desvio δ é máximo


sen i1 sen i 2
b) = =n
sen r1 sen r2
c) r1 + r2 = A
d) δ = i1 + i2 – A

49. (UE-RJ) Um prisma óptico de abertura 90° não permite que Resolução:
se obtenham desvios menores do que 30° sobre os raios
δ = 30º  30 + 90
luminosos que o atravessam no ar. O índice de refração δ = 2i − A ⇒ i =
A = 90º 
= 60º
2
desse prisma em relação ao ar vale:
60º
45º
6 3
a) d) A = 2r
2 3 r = 45º
4
b) e) nda
3 sen i sen 60º 3/2 6
Np = = = =
3 sen r sen 45º 2 /2 2
c)
2
Alternativa A

50. (UFU-MG) Deseja-se determinar o índice de refração Resolução:


de um prisma de seção transversal triangular eqüilátera.
Para tanto, fa z-se incidir um raio luminoso δ = 60º  60 + 60
A = 60º  = 2i − A ⇒ i = 2
= 60º
monocromático numa das faces do prisma de tal modo δ
que a incidência corresponda à do desvio mínimo, no
caso igual a 60°. Sabendo-se que o prisma encontra-se
num meio onde a velocidade da luz é a mesma que no A = 2r 60º
vácuo, o índice de refração procurado é: r = 30º 30º

3
a) 3 d)
2
3 1 sen i sen 60º 3/2
b) e) Np = = = = 3
2 3 sen r sen 30º 1/ 2

2 Alternativa A
c)
2

FISCOL3403-R
EDUCACIONAL
ÓPTICA FÍSICA
17
51. Um raio de luz monocromática incide numa das faces de Resolução:

um prisma de abertura 60° que se encontra imerso no ar, sen i sen 60º 3/2
a) Np = = = = 3
sen r sen 30º 1/ 2
sob ângulo de incidência de 60°. Sabendo que o ângulo
de refração da luz na primeira face do prisma é de 30°, b)
60º
determine:
60º 60º
60º 60º
30º 30º
a) o índice de refração do prisma
b) o ângulo de refração na segunda face do prisma
c) o desvio total sofrido pelo raio de luz
c) δ = 2i − A = 2 . 60 − 60 = 60º

52. (UF-ES) Deseja-se que um raio de luz que passa através Resolução:
de um prisma sofra reflexão total. Neste caso é necessário
A reflexão total só ocorre do meio mais refringente para o menos
que: refringente.

Alternativa D
a) o prisma tenha um ângulo reto
b) o ângulo de incidência do raio seja maior do que
qualquer dos ângulos do prisma
c) a luz incidente seja policromática
d) o índice de refração do prisma seja maior do que o do
meio onde se encontra
e) nda

53. (VUNESP) Sobre uma das faces de um prisma de índice de Resolução:


refração 2 e ângulo de refringência 75°, mergulhado no
r2 < L
ar (índice de refração do ar igual a 1,00), incide um feixe
de raios luminosos monocromáticos paralelos. Para que 1 2
estes raios possam emergir do prisma através da face BC, sen L = = ⇒ L = 45º
2 2
o ângulo de incidência deve ser no:
Na situação limite, r2 = 45º e i2 = 90º
B
Para que r2 seja 45º, r1 deve ser 30º.
a) mínimo 30°
75° Logo, NAr sen i1 = Np sen r1
b) mínimo 45°
c) máximo 30° i 1 2
sen i1 = 2 . sen 30º = 2 . =
2 2 75º
d) máximo 45° ∴ i1 = 45º
e) máximo 75°
60º 45º
se i1 < 45º ⇒ r1 > 45º i1
30º 45º
A C
Alternativa B

FISCOL3403-R
18 FÍSICA ÓPTICA
EDUCACIONAL

54. (UNISA) Um prisma de índice de refração 2 possui um Resolução:


ângulo de refringência de 60°. O ângulo de incidência que
produz desvio mínimo é: NAr sen i = Np sen r
60º
sen i = 2 . sen 30º i 60º
a) zero 30º
b) 30° 2
sen i = ⇒ i = 45º
2
c) 45°
d) 60° Alternativa C
e) nda

55. (UNISA) Com relação à questão anterior, este desvio Resolução:


mínimo é:
δ = 2i − A

a) zero δ = 2 . 45 − 60
b) 30° δ = 30º
c) 45°
Alternativa B
d) 60°
e) nda

56. (MACK) Para que haja desvio mínimo em um prisma, é Resolução:


necessário que:
A
A = 2r ⇒ r=
a) o ângulo de refração, no interior do prisma, seja igual 2
à metade do ângulo de refringência
Alternativa A
b) o ângulo de refração, no interior do prisma, seja igual
ao ângulo de refringência
c) o ângulo de incidência seja igual à metade do ângulo de
emergência
d) o ângulo de refringência seja igual ao dobro do ângulo
limite
e) nda

57. (MACK) Um feixe de luz policromática é decomposto ao Resolução:


atravessar um prisma porque:
O índice de refração do material depende do material do qual ele é
composto e do tipo de radiação incidente.
a) o comprimento de onda da radiação eletromagnética é
muito pequeno Alternativa B
b) o índice de refração do material que constitui o prisma
depende da freqüência da radiação incidente
c) o prisma é feito de um vidro especial
d) o índice de refração depende do ângulo de incidência
da luz
e) o índice de refração do material que constitui o prisma
depende da densidade do meio

FISCOL3403-R
EDUCACIONAL
ÓPTICA FÍSICA
19
58. (FATEC) Um feixe de luz incide Resolução:
sobre o prisma representado na θ
figura e não apresenta dispersão, Mesmo comprimento de onda ⇒ mesmo desvio.
isto é, não se decompõe em cores.
Alternativa A
Assinale a afirmação correta.

a) O feixe incidente apresenta radiações de mesmo


comprimento de onda.
b) A velocidade de propagação do feixe no prisma é a
mesma do feixe incidente.
c) A não-dispersão do feixe deve-se ao fato de o feixe
incidente ser constituído de vários comprimentos de
onda.
d) O índice de refração do prisma é igual a sen θ.
e) A dispersão não ocorre porque o ângulo θ é menor que
arc sen (n1/n2), onde nl e n2 são índices de refração do
ar e do prisma.

59. (FUVEST) Um feixe de luz branca incide sobre um conjunto Resolução:


de dois prismas de vidro idênticos, justapostos e imersos
no ar, como mostram as figuras. A luz, após atravessar os Em incidência perpendicular à face, i = 0º, portanto r = 0º.
prismas, emerge do lado oposto. A figura que representa
Não sofre desvio.
melhor o fenômeno é:
Alternativa D
a) d)

b) e)

c)

60. (MED. ITAJUBÁ) Considere um prisma de ângulo de Resolução:


abertura igual a 30°, envolvido pelo ar. Qual o valor do
índice de refração do material que constitui o prisma, para N menor 1 1
sen L = N ⇒ =
maior 2 N maior
que um raio de luz monocromática, incidindo normalmente
sobre uma de suas faces saia tangenciando a face oposta? 30º
Nmaior = 2

a) 0,5 60º
N
2 Alternativa D 30º
b)
3
c) 1,5
d) 2
e) nda

FISCOL3403-R
20 FÍSICA ÓPTICA
EDUCACIONAL

Este enunciado refere-se aos exercícios 61 e 62


Sobre a face AB de um prisma ABC de ângulo de refringência α, incide um raio de luz sob ângulo de incidência 30°. O índice de refração
do material de que é feito o prisma em relação ao ar é 5 /2 e o raio emergente é perpendicular à face AB.

61. O valor do ângulo i' será: Resolução:


B
α = r + i' − r α
a) α
N1 α
b) 90° − α N2 α = i' δ
30° 30 − r r
c) 120° − α 30º r i' − r i'
i'
d) 60° − α Alternativa A α
e) 30° + α
A C

62. O valor do desvio sofrido pelo raio será: Resolução:


α
a) 30° δ = 30 − r + r ⇒ δ = 30º δ
b) depende do valor de α 30 − r r i'
30º r i' − r
c) 90° Alternativa A
α
d) 60°
e) 45°

63. (MACK) É dado um prisma de vidro de ângulo de refringência Resolução:


A e índice de refração absoluto 2 , imerso no ar. Um raio
r'= L
de luz incide normalmente sobre uma face, atravessa o
prisma, incide sobre a outra face e emerge rasante. Quanto
mede o ângulo de refringência A do prisma ? 1 2
sen r' = = ⇒ r'= 45º
2 2

A ∴ Da figura, temos que A = 45º

nar = 1
r'
i" nar = 1
n= 2

64. (VUNESP) Um prisma de vidro tem os três lados iguais e Resolução:


índice de refração n = 2 em relação ao do ar, para um n1 . sen i = n2 . sen r α
determinado comprimento de onda λ . Um raio luminoso de
comprimento de onda λ incide no prisma, formando um 2 δ
ângulo de 45° com a normal. O raio, no interior do prisma, é = 2 . sen r ⇒ r = 30º 45º 60º 60º 45º
2 30º 30º
paralelo à sua base. Calcule o ângulo de desvio do raio que
emerge do prisma, em relação ao raio incidente: δ = i1 + i2 − A = 45º + 45º − 60º = 30º
60º 60º
Alternativa D
a) 60º
b) 45º
c) 0º
d) 30º 45°
e) 15º
λ

FISCOL3403-R
EDUCACIONAL
ÓPTICA FÍSICA
21
65. (ITA) No desenho, qual deve ser o índice de refração do Resolução:
prisma para que o raio mostrado sofra reflexão total na 45º
Lei de Snell:
face S? 45º
np . sen i = nAr . sen r
2
índice de refração do ar igual a 1,00 np . = 1 . sen 90º
2 45º
2
a) n> 2 np . =1
2
b) n < 1,5 45° np = 2 (este é o caso limite em que o raio sai rasante).
c) n > 1,16
S Portanto, se np > 2 , há reflexão total.
d) n< 2
Alternativa A

66. (PUC) Um prisma cuja secção transversal tem ângulos de Resolução:


base iguais a 45° é feito com vidro de índice de refração
relativo ao ar n = 1,5. Estando o prisma imerso no ar, um raio
incidente perpendicular à face AB:
2
sen 45° = ≈ 0,71
A 2
2
cos 45° = ≈ 0,71
I1 2 45º 45º
ar 45º 45º

vidro
1
sen L = = 0,67
45° 45° 3/ 2
C B
Como sen 45º > sen L, haverá reflexão total.

Alternativa A
a) penetra no prisma e sofre reflexão total no ponto de
incidência sobre a face BC
b) sofre reflexão total no ponto I1
c) sofrerá um desvio por refração no ponto Il de incidência
na face AB
d) penetra no prisma e sofre refração na face BC
e) atravessa o prisma e emerge na face BC sem sofrer
desvio algum

FISCOL3403-R
22 FÍSICA ÓPTICA
EDUCACIONAL

67. (FUVEST) Um feixe de luz, composto pelas cores azul e 68. (UFV-MG) Ao incidirmos um feixe de luz branca sobre um
vermelho, incide perpendicularmente sobre a face AC de um prisma, observamos a dispersão da luz no feixe emergente,
prisma imerso no ar. Os índices de refração do prisma são
sendo que a cor violeta sofre o maior desvio e a vermelha,
n v = 1,26 e n a = 1,53 para o vermelho e azul,
respectivamente. O prisma separa a luz emergente da face o menor. Analise as seguintes afirmativas:
BC em dois feixes, um vermelho e outro azul. Qual a figura
que melhor representa esse fenômeno ?
vermelha
C

luz viol
branca eta

I. o índice de refração do vidro é maior para a luz violeta


A B
II. o índice de refração do vidro é maior para a luz vermelha
a) III. a velocidade da luz violeta dentro do vidro é maior que
a da vermelha
vermelho IV. a velocidade da luz vermelha dentro do vidro é maior
azul que a da violeta
V. as velocidades das luzes vermelha e violeta são iguais
b) dentro do vidro

São verdadeiras:
azul
vermelho
a) II e IV
c) b) IeV
vermelho c) I e III
azul d) I e IV
e) II e III

Resolução:
d) azul
vermelho
I. verdadeira

II. falsa → O índice de refração do vidro é menor para a luz


vermelha.
e)

vermelho
III. falsa → A velocidade da luz violeta dentro do vidro é
azul menor que a vermelha.

Resolução: IV. verdadeira

A luz vermelha possui uma velocidade de propagação no vidro


V. falsa → Elas são diferentes.
maior que a luz azul. Logo sofrerá um desvio menor em relação à
normal.
Alternativa A
Obs: Na incidência perpendicular não há desvio.

Alternativa A

FISCOL3403-R