You are on page 1of 12

Apresentaç

Apresentação Oral do Problema Clí


Clínico dum Doente
com
o t.
gsp
l o
.bda Graç
José
José Pimenta
o s Graça

e r nServiç
(Chefe de Serviç
Serviço)

i n t
Director do Serviço de Medicina II

os Hospital de Egas Moniz


esd
s o
ses
JPG 2009 1

Apresentaç
Apresentação Oral do Problema Clí
Clínico dum Doente

 É mais uma arte do que uma ciência exacta


c o m
o t.
 Requer muita experiência e uma prá
prá tica consider s
considerá
á
g
vel e p
leva anos a desenvolver e
a aperfeiç
aperfeiçoar
. b lo
comunican o s
 Uma boa capacidade de comunicaç
t er ção é fundamental para uma prá prática clí
clínica de

sin
qualidade

o
d os mémédicos comuniquem eficazmente a informaç
É essencial questodos


s o e informação clí
clínica

s e s
pertinente referente a cada doente

JPG 2009 2
Apresentaç
Apresentação Oral do Problema Clí
Clínico dum Doente
Importância
c o m
o t.
 Transferir e partilhar informaç clínica relevante s
informação clí
g p
l o
 Fornecer informaç
o
informação a quem não conhece s.bo problema do doente
e r n
 selecção e n
A chave é a selecç
i t ção de dados clíclínicos relevantes
apresentaç
apresenta
o s
l e
O fluxo ló
ó s
gico
d
da apresentaç
apresentação emerge de uma boa colheita e aná
análise de


s o
ses Hx e Exame fífísico
dados:

Nota de admissão, de Transferência ou Carta de referenciaç


referenciação

JPG 2009 3

Apresentaç
Apresentação Oral do Problema Clí
Clínico dum Doente
Dificuldades
co m
 Cada doente tem doenç
doença (s) e não há
há 2 doentes ou 2 doenç t .
doenças iguais
o
Limitaç
Limitações de tempo g s p


. bl o
 Diferenciar o que é relevante
o s
Múltiplos problemas mé
e
médicos quer n
põem à prova a capacidade de sí
síntese


Esqueleto ou templatesbián
t
sico


d o
sSirva para todos
o e
s Breve Individualizado
s e s
Objectivo
Conciso
JPG 2009 4
Apresentaç
Apresentação Oral do Problema Clí
Clínico dum Doente
Cená
Cenários
com
o t.
 Doente apresentado pela 1ª1ª vez
gs p
 Doente já
já conhecido
.b l o
o s
 Visita mé
médica, mudanç
r
mudança de turnos no
e nSUG ou UI
 Apresentaç
s i nt enfermaria ou consulta
Apresentação a outro colega na
 Consultadoria
s d o Referenciaç


s o e
Nota de Alta, Transferência, Referenciação

ses
JPG 2009 5

Apresentaç
Apresentação Oral do Problema Clí
Clínico dum Doente

 Histó
História da doenç
doença actual
com
estabelece o problema de Dx
o t.
gera uma lista de possí
possíveis explicaç
g
explicações s p
Mais dados de Hx
. bl o


cria uma prioridade deo


s
r n problemas

n teório e outros
Dados de Exame fífísico, Laborató
Laborat
i
o s a lista de hipó
modifica hipóteses de Dx
es d
 Avaliaç
o
Avaliação e Plano
s
ses sumariza o processo de raciocí
apresenta uma hipó
raciocínio clí
clínico
hipótese para explicar os problemas
estabelece a melhor maneira de os resolver
JPG 2009 6
Apresentaç
Apresentação Oral do Problema Clí
Clínico dum Doente
Recomendaç
Recomendações Gerais
com
Determine quais os dados mais relevantes o t.


gs p
 Prepare os dados para apresentaç
apresentação num bloco de
l onotas


o s.b
Organize, sumarize e registe os dados principais

 e rn os dados relevantes
apresentação paratsalientar
Organize a apresentaç
siánvel
Justificar um Dxoprová
prov
e s dos ECDx mais pertinentes
s s o
Planear quais
e
s Planear qual a terapêutica mais apropriada
Planos subsequentes

JPG 2009 7

Apresentaç
Apresentação Oral do Problema Clí
Clínico dum Doente
Recomendaç
Recomendações Gerais
c o m
o t.
 Racionalize o tempo – (a essência da apresentaç
sp
apresentação oral)
g
 Relaxe
. bl o
s
o maté


e r n
Fale como se estivesse a apresentar uma matéria a amigos

médica nt
 Use linguagem mé
o si

s d ção – ela é oral
Não leia a apresentaç
apresenta
e

s s o e com clareza
Fale distintamente


se frases curtas e objectivas para captar a atenç
Utilize atenção da audiência

JPG 2009 8
Apresentaç
Apresentação Oral do Problema Clí
Clínico dum Doente
Recomendaç
Recomendações Gerais
com
 Relate os factos duma maneira dinâmica e interessante
o t.

g
Mencione com ênfase problemas activos e potenciais para p
s o Dx ou Rx
Quando houver uma pausa para discussão .bl
o


o s
Ouç
Ouça e participe
e n
rretomando a última frase
t
Esteja pronto para reiniciar,
 Fale com precisão
o sin
não diga s
e d ou Hb baixa - mas sim Hb - 6
anemia
não o
e ss diga hipoxemia,
hipoxemia, mas sim pO2-pO2- 40
s não diga hiponatré
hiponatré mia,
mia
Pode dizer leucocitose,
, mas sim Na - 116
leucocitose, PCR e VS elevadas e leucocitú
leucocitúria

JPG 2009 9

Apresentaç
Apresentação Oral do Problema Clí
Clínico dum Doente
Recomendaç
Recomendações Gerais
co m
o t .

g s p
Foque pontos salientes com palavras únicas para permitir que a audiência se
centre nas probabilidades de Dx
. b lo
o s

er n
Mostre os dados objectivos relevantes (ECG, Imagens)
t
 Examine os detalhes de
o siHxncomplicadas
e sdapresentaç

s o
Esteja alerta para apresentações atí
atípicas de doenç
doenças comuns


es Dx múmúltiplos e concomitantes
sConsidere
JPG 2009 10
Apresentaç
Apresentação Oral do Problema Clí
Clínico dum Doente

 Clássica ou Formal - 5 a 7 min


com
razoável tempo para manter a audiência atenta
o t.
gsp
> a 7 min arrisca-se a falhar no principal objectivo

l o
múltiplos problemas médicos põem à prova a capacidade de síntese

Breve - 1 a 2 min (like a bullet) no


s.b


t e r
Atributos
o sin
e sd
Sistematizada

e s so
Objectiva
s Interpretativa
Clara

JPG 2009 11

Apresentaç
Apresentação Oral do Problema Clí
Clínico dum Doente
Apresentaç
Apresentação Clá
Clássica (5 a 7 minutos)
c o m
 Nome, idade, profissão, cama
o t .
 Frase introdutó
introdutória (velhinha carinhosa, agradá s
simp
g p
agradável, simpáá tica, difí
difícil)

 Queixa principal/Sintoma Principal/Motivo de


. b lo
Internamento
Peça de Hx (sintoma, dispneia; dado o
s – esplenomegá
Peç
r n fífísico esplenomegália)lia)
Dado Lab anormal - Hb-
i n te imagioló
Hb-6; Achado imagiológico

o s
s d
_________________________________________________________
ecalendarizadas

s o
Evite datas


es a queixa principal c/ detalhes Hxs ou Hx médica passada diminui a
sPreceder
capacidade de audiência para identificar e deter-
deter-se no problema principal
JPG 2009 12
Apresentaç
Apresentação Oral do Problema Clí
Clínico dum Doente
Apresentaç
Apresentação Clá
Clássica (5 a 7 minutos)
c om
o t.
 Hx da Doenç
Doença Actual (versão sucinta)
gs p
l o
 A Hx da doenç
s.bmais tempo e o mais importante da
doença actual é o elemento que leva
o
apresentaç
apresentação
Base na qual os dados do Ex.e r ne de ExCDx serão cimentados


i t fífísico
nsalientes
s
Registar os pontos
o pertinentes
s d
Dados negativos
e de risco
s o
Factores

sesInternamentos
Medicaç
pré
prévios relevantes
Medicação (todos), álcool, tabaco, drogas
Identificar mé
médicos, Serviç
Serviços e Especialidades
JPG 2009 13

Apresentaç
Apresentação Oral do Problema Clí
Clínico dum Doente
Apresentaç
Apresentação Clá
Clássica (5 a 7 minutos)
co m
o t .
 Hx Médica Passada e Hx Social
g s p
 Só problemas activos
. o
brelal ção com o problema actual
 Não mencione doenç
doenças passadas que não s
oIC, IRC, DPOC
tem relaç
n
duração de diabetes,rHTA,
 Quantifique a duraç
n
complicações ide
te
 Enumere as complicaç
o s doenç
doenças

es d

s o
Hx Familiar relevante

s es
 Revisão de sistemas (só
(só os mais significativos)

JPG 2009 14
Apresentaç
Apresentação Oral do Problema Clí
Clínico dum Doente
Apresentaç
Apresentação Clá
Clássica (5 a 7 minutos)
co m
o t.
 Exame FíFísico
gs p
l o

o s.bimportantes
Apresentar os achados fífísicos positivos mais

e r
Colocar os sinais vitais em 1 º lugar n
nt – bom, razoá


 Dar uma noç


o
noção do estadosi geral razoável, está
estável, crí
crítico, moribundo

e s
Ênfase nos sistemas
d e órgãos que contribuam para o Dx
so



s e
Dados spositivos e negativos pertinentes que ajudem a audiência a avaliar o Dx
diferencial (S 3 e S4, sopros, atritos, crepitaç
crepitações, roncos, massas)

JPG 2009 15

Apresentaç
Apresentação Oral do Problema Clí
Clínico dum Doente
Apresentaç
Apresentação Clá
Clássica (5 a 7 minutos)
co m
o t.
Exames Complementares de Dx
g sp
Mencione só
. b o
l que permitam distinguir
só os dados positivos e negativos relevantes distinguir os

Dxs em consideraç
considera ção o s
r n
i n te (ECG, Rx Tx, ECO, TAC, RM)

o s
Apresente os dados mais pertinentes
d
es ção objectiva (Exs

s o
Apresente a informaç
informa
apresentaçsão da Hx e Exame fífísico
(Exs Lab,
Lab, ECG ou de Imagem) sósó depois da

se
apresentaç

JPG 2009 16
Apresentaç
Apresentação Oral do Problema Clí
Clínico dum Doente

com
Apresentaç
Apresentação Clá
Clássica (5 a 7 minutos)
o t.
 Avaliaç
Avaliação
gs p
. l o
be grande práprática

o s
Lista de Problemas - requer muita experiência

Planos r n
te


Dx
s i n
Rx
d o
Edx es

e s s/oTransferência / Referenciaç
Alta Referenciação
s Seguimento
JPG 2009 17

Apresentaç
Apresentação Oral do Problema Clí
Clínico dum Doente
Problema – dor torá
torácica
c o m
Avaliaç
Avaliação o t.


Dx mais prová vel… Acreditamos, julgamos, g


provável…
p
s …
interpretamos…
interpretamos
Os dados que o suportam são… são…
. b l o
consideradoso
Outros Dxs foram considerados… … s
.
 Plano
t e rn
Foi prescrito Rx/… n ámos TAC Tx…
Rx/…i.Requisitá
sDxs,
.Requisit Tx…
Planeamos
s d -oExs Dxs, Rx/, Alta, Transferência, Assistente Social

s o e

sesNão diga:planoPonderamos,
Organize um activo e não passivo
pensamos, consideramos…
consideramos…
Diga: Decidimos, fizemos, obtivemos, requisitá
requisitámos…
mos…
JPG 2009 18
Apresentaç
Apresentação Oral do Problema Clí
Clínico dum Doente
 O Sr. João Gomes é um homem de 70 anos, com uma Hx de diabetes desde há há 20 anos e
HTA háhá 15 anos, não complicadas, mal controladas,
controladas, e artrite reumató
reumatóide inactiva, que
adoeceu há
om
há 8 dias com febre, tosse e expectoraç
c expectoração purulenta.
purulenta. Estava medicado com 40 U de
Insulatard,
t.
Insulatard, ramipril 10, furosemida e sinvastatina 20. É o seu 1º
o
1º internamento.
 No exame fífísico detectou-
detectou-se PA-
p
PA-200/100, com outros SV normais e Sat O2 - 92%.
gs
Tinha crepitaç
crepitações na base dta,
o
dta, sem outras anormalidades.
l
proteinú
os.b
Os Exs pertinentes revelaram GB- GB-23.000 (N90%,), PCR-
proteinúria. Sem outras anormalidades.
PCR-2xN,
2xN, Glicemia-
Glicemia-445 e glicosú
glicosúria,
ria, sem

er n
No Rx Tx é evidente um infiltrado no LID e cardiomegalia.
cardiomegalia. O ECG revela sinais de HVE.

si nt
Pensamos que ele tem PAC e medicá medicámo-
mo-lo há 2 dias com co- co-amoxiclav IV, enquanto

sd o
aguardamos os resultados das hemoculturas e do ex. bacterioló
Tem vindo a melhorar bastante, com resoluç
bacteriológico de expectoraç
resolução gradual dos sintomas.
expectoração.

s oe
A diabetes e a PA tem sido bem controladas com ramipril e insulina rá rápida.

ses
Hoje esperamos ter os resultados das culturas e vamos fazer um novo
Falá
Falámos com os familiares e julgamos que o Sr. João Gomes
novo Rx Tx.
poderá
poder á ter
Tx.
alta dentro de 5 dias
se a situaç
situação continuar a correr bem.
Será
Será enviada uma Nota de Alta com informaç
informação clíclínica para o mé
médico assistente.
JPG 2009 19

Apresentaç
Apresentação Oral do Problema Clí
Clínico dum Doente
Apresentaç
Apresentação Rá
Rápida (1 a 2 minutos)
com
Nome, idade, cama o t.


 Frase introdutó
introdutória g s p
 Sintoma Principal e sua duraç
. b l o
duração / Motivo de Internamento
Hx da Doenç
Doen ç a Actual (condensada e o
em s
poucas frases)


e r n
 Medicaç
Medicações
t
 Achados Fí
sin
Físicos pertinentes
o
SV
e s d
Dados s s opertinentes (Lab
Dados de observaç
observação positivos



s e
Avaliaç
ECDx
Avaliação (mencionar só
(Lab,, Imagem, ECG, etc)
só os problemas activos)
etc)

 Planos (Dx, Rx, Edx,


Edx, Alta, Transferência, Assistente Social, Seguimento)
JPG 2009 20
Apresentaç
Apresentação Oral do Problema Clí
Clínico dum Doente

c o m
No final sumarize a apresentaç
apresentação numa ou 2 frases para concluir:
o t.
O Sr. João Gomes é um homem de 70 anos com Hx degdiabetes,
p
s HTA e AR que
se apresentou há clínico b
há 2 dias com um quadro clí
. l o
e radioló
radiológico compatí
compatível com PAC do
evolução de 8 dias, tendo obtidoo s
LID com evoluç
r n excelente resposta a…a…

i n te
O curso hospitalar tem sido caracterizado por…
por …
Planeamos fazer…
fazer…
o s
s d
_________________________________________________________________
________________________________________________________________
e _

s s
Problema com o dts com mú
múltiplos problemas mé
médicos activos…
activos…

serespeito à diabetes…
1º - com diabetes…
2º - com respeito à HTA …
3º - com respeito à AR…
AR…
JPG 2009 21

Apresentaç
Apresentação Oral do Problema Clí
Clínico dum Doente

com
o t.
g sp
l o
“Without accurate and concisebcommunication
. between
o s of patiente care suffer”
er
physicians the quality and n
efficiency suffer”
t
o sin
e s d
ss o
se
JPG 2009 22
Apresentaç
Apresentação Oral do Problema Clí
Clínico dum Doente
Bibliografia
com
o t.
1. Using clinical reasoning to improve skills in oral case presentation.
presentation.
Jeffrey Wiese,
gs
Wiese, MD, Sanjay Saint,p
Saint, MD and Lawrence M. Tierney,
Tierney, JR, MD

l o
Seminars in Medical Practice -, vol.
vol. 5, Nº
Nº 3 Sept 2002

os.b
Kassirer,
e n
2. Learning clinical reasoning.
reasoning.
r
Kassirer, JP, Kopelman,
Kopelman, RI. Baltimore: Williams & Wilkins;
Wilkins; 1991

si nt
Engel,
sd o
3. The deficiencies of the case presentation as a method of clinical teaching.
Engel, GL; NEMJ 1971, 284:20-
284:20-4
teaching.

s oe
ses
4. Beyond data gathering:
Novack,
gathering: twelve functions of medical history.
Novack, DH; Hosp Pract 1985;20.11-
1985;20.11-2
history.

JPG 2009 23