You are on page 1of 9

CENTRO UNIVERSITÁRIO BARRIGA VERDE - UNIBAVE

ENGENHARIA CIVIL
JONATHAN AUGUSTO MARIANO BAGIO

COMPARATIVO ENTRE SISTEMA CONSTRUTIVO DE LAJES COM


CUBETAS RECUPERAVEIS E EPS

PROJETO DE PESQUISA

ORLEANS
2016
JONATHAN AUGUSTO MARIANO BAGIO

COMPARATIVO ENTRE SISTEMA CONSTRUTIVO DE LAJES COM


CUBETAS RECUPERAVEIS E EPS

PROJETO DE PESQUISA

Projeto de Pesquisa com o objetivo de


auxiliar futuramente na elaboração de um
artigo científico com o intuito de elaborar um
comparativo de estruturas executadas com
cubetas recuperáveis e EPS.
.

ORLEANS
2016
SUMÁRIO

INTRODUÇÃO............................................................................................... 01

1 JUSTIFICATIVA......................................................................................... 02

2 PROBLEMA............................................................................................... 02

3 OBJETIVOS……………………………………………………………………. 02
3.1 OBJETIVO GERAL.................................................................................. 02
3.2 OBJETIVOS ESPECÍFICOS.................................................................... 02

4 DELIMITAÇÕES METODOLÓGICAS……………………..……………….. 03
4.1 MÉTODO E ABORDAGEM DE PESQUISA............................................ 03
4.2 CONTEXTO E PROCEDIMENTOS DA PESQUISA............................... 03
4.3 POPULAÇÃO E AMOSTRA……………………………………………….. 03
4.4 TÉCNICAS E/OU INSTRUMENTO DE PESQUISA................................ 03
4.5 RECURSOS…………………………………………………………………. 04
4.6 CRONOGRAMA…………………………………………………………….. 04

CONSIDERAÇÕES FINAIS ......................................................................... 05

REFERÊNCIAS............................................................................................. 06
INTRODUÇÃO

Neste projeto de pesquisa, seriam expostos os trabalhos produzidos


durante a analise feita através do projeto e execução de elementos estruturais
na construção civil.
Demonstra-se assim a sua importância, tendo em vista que será
possível se realizar a economia de custos e materiais, dependendo do método
construtivo, ainda seriam analisados dois métodos construtivos: execução de
laje com cubetas recuperáveis e o método de execução com tavelas em EPS
(isopor).
Por fim, no presente projeto de pesquisa serão apresentadas todas
as atividades desenvolvidas em analise, sendo elas: projeto de Lajes; projetos
de pilares e vigas, dando a demonstração da economia que será aplicada para
cada método construtivo.

1
1 JUSTIFICATIVA

Em vista que a construção civil passa por um período de muitas


inovações, após analise se confirmou que podemos economizar o custo de
mão de obra e material no método construtivo em utilização de EPS ou cubetas
na execução de lajes.

2 PROBLEMA

O custo elevado em obras pelo Brasil tem deixado investidores com


medo para aplicar seu capital na construção civil, através do método
construtivo correto que será utilizado na execução, podera reduzir as formas de
um empreendimento, levando diretamente a redução de custos, mão de obra e
materiais. O problema são questões envolvendo valores ou se algo é certo,
errado, bom ou mau, desejável, indesejável, pior, ou melhor, não são
científicas. (GIL, 1991, p. 27). Conforme comparativo realizado, qual o
percentual de economia irá ter na execução com cubetas recuperáveis e EPS?

3 OBJETIVOS

3.1 OBJETIVOS GERAIS


Verificar os projetos, a fim de mostrar a economia no qual irá se aplicar através
dos métodos construtivos.

3.2 OBJETIVOS ESPECÍFICOS


Analisar através da planta de formas as características da mesma, com
cálculos estruturais, as analises se dão:
 Peso próprio da laje;
 Consumo de aço;
 Consumo de concreto;
 Dimensões dos elementos estruturais;
 Características dos materiais.

2
4 DELIMITAÇÕES METODOLÓGICAS

4.1 MÉTODO E PARADIGMA/ABORDAGEM DE PESQUISA


Será utilizado o método de abordagem indutivo, pois o estudo será feito
através de verificações dos elementos estruturais, observações quanto aos
dados técnicos de cada método construtivo e comparações dos mesmos, a fim
de obtermos o resultado de percentual de economia, se tratando de um método
de abordagem indutivo é provável que a conclusão seja positiva.

4.2 CONTEXTOS DA PESQUISA E PROCEDIMENTOS


A pesquisa foi realizada com base (a planta de laje 01 do pavimento
tipo), onde será realizada a verificação das dimensões dos elementos
estruturais, através do método construtivo (com cubeta recuperavel ou EPS),
será dimensionado vigas e pilares, será considerado também o tempo de
execução para cada método construtivo abordado, será classificado o peso de
cada estrutura para efeito de comparação de resultados.

4.3 POPULAÇÃO E AMOSTRA


As informações da pesquisa tem base um empreendimento, e se refere
aos dados da obra.

4.4 TÉCNICAS E/OU INSTRUMENTO DE PESQUISA


Os dados da pesquisa serão obtidos através da planta de laje pavimento
tipo 01, conforme carga de laje, dimensões de pilares e vigas, essa
informações serão obtidas através dos softwares: AutoCAD e CYPECAD.

3
4.5 RECURSOS
O recurso utilizado para a pesquisa seria o deslocamento até o
engenheiro responsável para coleta de dados.

4.6 CRONOGRAMA

4
CONSIDERAÇÕES FINAIS

O objetivo do projeto de pesquisa foi apresentar parâmetros de cada modo


construtivo, pois esta tendo uma escassez de mão de obra na construção civil
e acredito que ao aprimorar a forma de construção do empreendimento, irá
diretamente refletir nos custos da empresa, que hoje é de suma importância
independente o segmento.
Os dados obtidos, verificados e comparados foram satisfatórios para o
que se pretendia mostrar, nota-se apenas que as lajes de EPS tem seu alto
ponto de fulgor, tendo um cuidado a mais no armazenamento e aplicação,
antes da laje concretada.

5
REFERÊNCIAS

Características da tavela em EPS. Disponível em:


http://blog.newtonpaiva.br/pos/e8-eng18/

Sistema de cubetas recuperáveis para lajes nervuradas. Disponível em:


http://www.ulmaconstruction.com.br/pt-br/formas-e-escoramentos/forma-
lajes/forma-lajes-nervuradas-recub/

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 6118: Projeto de


estruturas de concreto. Rio de Janeiro, 2014.