You are on page 1of 2

Avaliação – Módulo VIII

Hermenêutica II
1) Qual o significado primário do termo hermenêutica?
R= Significa primariamente expressão (de um pensamento).

2) O que trata a hermenêutica bíblica?


R= Da reta inteligência e interpretação das Escrituras bíblicas.

3) Em sua origem o que constituía a hermenêutica?


R= Constituía uma técnica filológica, ou seja, uma técnica de leitura para compreensão das obras da
antiguidade e de textos religiosos, pois a questão de interpretar a Palavra de Deus era habitual ao povo
judeu, no que tange ao Antigo Testamento e aos cristão no Novo Testamento.

4) Em que consiste a concepção de interpretar um texto de forma alegórica?


R= Consiste na interpretação de um texto da perspectiva de alguma coisa, sem levar em conta o que
quer que seja essa coisa.

5) Orígenes desenvolveu uma abordagem tríplice das Escrituras, que


abordagem foi essa?
R= A Palavra de Deus tinha um sentido literal ou físico, um sentido moral ou psíquico e por fim um
sentido alegórico ou intelectual.

6) Em que consiste a diferença entre hermenêutica e exegese?


R= De forma simples podemos dizer que a hermenêutica é a teoria, e a exegese é a prática, pois esta
aplica os princípios hermenêuticos para chegar a um entendimento correto do texto.

7) Por que as finalidades a serem perseguidas pela interpretação bíblica são de


grande importância?
R= Porque visam à garantia da efetividade da vontade de Deus e à aplicabilidade de seus preceitos.

8) Qual seria a duplicidade semântica que o vocábulo interpretação comporta?


R= A primeira acepção de ”interpretação” é aquela pela qual o vocábulo corresponde à atividade
designada pelo verbo “interpretar”; nesta acepção, “interpretação” é sinônimo de “interpretar” e refere-
se, fundamentalmente, a um fenômeno mental, como atribuir um significado a um documento. A
segunda acepção de “interpretação” é aquela pela qual este vocábulo corresponde ao produto da
atividade designada do verbo interpretar; nesta acepção, “interpretação” é sinônimo não tanto de “haver
interpretado” quanto do “resultado de haver interpretado”, tal resultado é , pelo próprio fato de ser
conhecido, incorporado em um documento, que, além de documentar todo o fenômeno mental, é dotado
de maior ou menor relevância socioinstitucional segundo a forma e a posição do intérprete.

9) Deus, para comunicar Sua Palavra aos homens, escolheu fazer uso de quase
todo tipo de comunicação disponível. Dê quatro exemplos dessa
comunicação.
R= História em narrativa, genealogias, crônicas e provérbios.
10) Quais as figuras de linguagem mais usadas na Bíblia? Dê alguns
exemplos.
R= Comparação (Tiago 1.23), Metáfora (João 15.1), Metonímia (Lucas 16.29), Antonomásia (Lucas
2.10-11), Sinédoque (Salmos 16.9), Antítese (Deuteronômio 30.15, 19), Apóstrofe (Salmos 114.1-6),
Ironia (2 Coríntios 11.13), Hipérbole (Números 13.33), Clímax ou Gradação (Romanos 8.15-17),
Prosopopeia (Isaías 44.23), Alegoria (Gênesis 49.9), Fábula (2 Reis 14.9), Enigma (Juízes 14.14),
Parábola (Mateus 13.10-15), Interrogação (Romanos 8.33), Símile (Salmos 103.11), Antropomorfismo
(Êxodo 8.19), Antropopatismo (Levítico 20.23), Tipo (João 20.25) e Símbolos (Jeremias 24.3-5).