You are on page 1of 12

Blog do Enem Matemática – Álgebra: Matrizes.

 2x 2 
01 - (UEG GO/2015) Dada a matriz A   e 0  e seja B uma matriz identidade de ordem 2, os valores de x e
 0 | y  x | 

y não negativos, tal que as matrizes A e B sejam iguais, são respectivamente

a) 0e1

b) 1e1

2
c) 0e
2

2 2
d) e 1
2 2

1 1 0 1 0 0 0 0 0 
02 - (MACK SP/2015) Se A  0 1 0 , B  0 1 0 , C  0 0 0 e os inteiros x e y são tais que A + xA + yB =
    2

0 0 1 0 0 1 0 0 0


C, então

a) x=0

b) x=1

c) x=–2

d) x=–1

e) x=2

03 - (IFSC/2015) Sejam Amn e Bpq matrizes com m, n, p, q  N*. Sabe-se que m é a idade de Pedro, n a idade de
João, p a idade de Mariana e q a idade de Marcos.

Com base na situação exposta no enunciado, assinale no cartão-resposta a soma da(s) proposição(ões)
CORRETA(S).

01. Se é possível realizar o produto B.A, então Pedro e Marcos têm a mesma idade.

02. Se B tem um determinante associado a ele, então Mariana e Marcos têm a mesma idade.

04. Se Pedro e João têm a mesma idade, então a matriz A é inversível.

08. Se João e Mariana têm a mesma idade, então A + B é uma operação possível.

16. Se A + B e A.B são operações possíveis, então Pedro e João têm a mesma idade.

i  j, se i  j
04 - (UFAM/2015) Sejam A = (aij)4x3 e B = (bij)3x4 duas matrizes reais definidas por a ij   e
i  j, se i  j
2i  1, se i  j
b ij   . Se C é a matriz real definida pela multiplicação da matriz A pela matriz B, o elemento da terceira
 j  1, se i  j
linha e segunda coluna da matriz C é:

1
Blog do Enem Matemática – Álgebra: Matrizes.

a) 25

b) 35

c) 37

d) 50

e) 53

05 - (UNIFAP AP/2015) Agora lendo sobre a teoria de matrizes Ezequiel e Marta revisam os diversos tipos de
matrizes. Daí Marta para testar a atenção de Ezequiel faz a seguinte pergunta.

a b
Quais são os valores de a, b, c e d para que a matriz   seja uma matriz identidade.
c d

Sendo assim qual é a resposta que Ezequiel deve dar como correta:

a) a=1, b=1, c=1 e d=1

b) a=1, b=1, c=0 e d=0

c) a=0, b=0, c=1 e d=1

d) a=1, b=0, c=0 e d=1

e) a=0, b=0, c=0 e d=0

06 - (USP Escola Politécnica/2015) Uma matriz quadrada A, de ordem 2, com valores reais, é simétrica, tem traço
x
nulo (ou seja, a soma dos elementos da diagonal principal é zero) e determinante igual a –1. Se   é solução do
 
y
x 1
sistema linear A     , é verdade que
y   0 

a) x = 1 e y = –1

b) x = –1 e y = 1

c) x+y=2
2 2
d) x +y =1

e) x–y=2

 6 2  6 
07 - (UERN/2015) Considere a seguinte operação entre matrizes:    K   
 4 3  1

A soma de todos os elementos da matriz K é:

a) 1.

b) 3.

2
Blog do Enem Matemática – Álgebra: Matrizes.

c) 4.

d) 7.

a 1 1
 
08 - (UNICAMP SP/2014) Considere a matriz A    1 0 b  , onde a, b e c são números reais.
 c  2 0 

T
a) Encontre os valores de a, b e c de modo que A = –A.

x 1
   
b) Dados a = 1 e b = –1, para que valores de c e d o sistema linear A y    1  tem infinitas soluções?
z d
   

1 4
09 - (FGV /2014) Sejam as matrizes A    e B  5 8 . A matriz X que satisfaz a equação matricial XA = B tem
2 0
elementos cuja soma é

a) 0,5

b) 1

c) 1,5

d) 2

e) 2,5

10 - (UFG GO/2014) Um modelo matemático usado para a ampliação de uma imagem consiste em considerar uma
transformação linear dada pela multiplicação de uma matriz escala Es por uma matriz coluna A, composta pelas
coordenadas do ponto P, que forma a imagem que será ampliada. Considerando as matrizes A e Es dadas por

x  E x 0
A    e Es   ,
 y  0 E y 

em que Ex e Ey são fatores multiplicativos que indicam a mudança da escala, então a matriz Q que indica as novas
coordenadas do ponto P, obtidas pela multiplicação das matrizes Es e A, é:

 xE x 
a)  
 yEy 

E x  x 
b)  
 E y  y 

 yEx 
c)  
 xE y 

 xE x 0 
d)  
 0 yEy 

3
Blog do Enem Matemática – Álgebra: Matrizes.

E x x
e)  
 y E y 

1 2  2 3  7 0 1
11 - (UDESC SC/2014) Considerando que A   , B , C  e X  AB  2C o valor do
4 3   4 1    3 6  2
determinante de X é:

285
a)
2

325
b)
2

335
c)
2

245
d)
2

315
e)
2

12 - (UEM PR/2014) As coordenadas de um ponto P no plano cartesiano podem ser representadas por uma matriz
x  a b 
coluna na forma P    . Com essa representação matricial, o produto de uma matriz A    , de tamanho 22 ,
 y c d 
x 
pela matriz P    fornece uma nova matriz coluna Q = A  P. A matriz Q, por sua vez, representa o ponto no plano
 
y
0 1 
cartesiano cujas coordenadas são as entradas das linhas dessa nova matriz. Considerando as matrizes A   ,
1 0
1 1  2 0 1 0
B , C  e D  , assinale o que for correto.
1 0 0 1  0 0 

01. O ponto Q = D  P é a projeção do ponto P sobre o eixo das abscissas (eixo x).

02. Se P for um ponto da reta y = x, então Q = C  P será um ponto da reta y = 2x.

04. Se P = (2,1) , então o ponto Q = B  P tem coordenadas (3,2).

08. O ponto Q = A  P é simétrico ao ponto P com relação à reta y = x.


2 2 2 2
16. Se P é um ponto da circunferência x + y = 1, então Q = C  P é um ponto da elipse x + 4y = 4 .

13 - (UNESP SP/2014) Considere a equação matricial A + BX = X + 2C, cuja incógnita é a matriz X e todas as
matrizes são quadradas de ordem n. A condição necessária e suficiente para que esta equação tenha solução única
é que:

a) B – I  O, onde I é a matriz identidade de ordem n e O é a matriz nula de ordem n.

b) B seja invertível.

4
Blog do Enem Matemática – Álgebra: Matrizes.

c) B  O, onde O é a matriz nula de ordem n.

d) B – I seja invertível, onde I é a matriz identidade de ordem n.

e) A e C sejam invertíveis.

14 - (UNIRG TO/2014) Considere a função A:RM2(R), em que M2(R) é o conjunto das matrizes quadradas de
t2 t 1
ordem 2, com entradas reais, definida por A( t )  .
t  1 2t  1

De acordo com o exposto,

a) A( t ) = A( t + 1) para todo t real.

b) A( t ) é diferente da matriz nula para todo t real.

c) A( t + s ) = A( t ) + A( s ) para todos t e s reais.

d) A( t ) é a matriz identidade para algum t.

  1 0
    i  2 j, se i  j
15 - (UEG GO/2014) Dadas as matrizes B   0  , C   4  e A  (a ij ) 3x 3 , tal que a ij  , onde x é um número
1  2 x, se i  j
   
real. O valor de x tal que AB – C seja nulo é

a) 7

b) 0

c) 1

d) 3

16 - (UEL PR/2014) Conforme dados da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), no Brasil, existem 720
aeródromos públicos e 1814 aeródromos privados certificados. Os programas computacionais utilizados para
gerenciar o tráfego aéreo representam a malha aérea por meio de matrizes. Considere a malha aérea entre quatro
cidades com aeroportos por meio de uma matriz. Sejam as cidades A, B, C e D indexadas nas linhas e colunas da
matriz 4×4 dada a seguir. Coloca-se 1 na posição X e Y da matriz 44 se as cidades X e Y possuem conexão aérea
direta, caso contrário coloca-se 0. A diagonal principal, que corresponde à posição X = Y , foi preenchida com 1.

Considerando que, no trajeto, o avião não pode pousar duas ou mais vezes em uma mesma cidade nem voltar para a
cidade de origem, assinale a alternativa correta.

a) Pode-se ir da cidade A até B passando por outras cidades.

b) Pode-se ir da cidade D até B passando por outras cidades.


5
Blog do Enem Matemática – Álgebra: Matrizes.

c) Pode-se ir diretamente da cidade D até C.

d) Existem dois diferentes caminhos entre as cidades A e B.

e) Existem dois diferentes caminhos entre as cidades A e C.

17 - (UERN/2014) Considere as matrizes A e B, representadas a seguir.

2 0  3 1 1 0
   
A  5  1 2  B  7 2  1
1 0 4  5  2 3 

Sendo C a matriz resultado da soma da matriz transposta de A com a matriz oposta de B, é correto afirmar que

 1 4 1 
 
a) C   7  3 1 
  8 4  7

1 4 1
 
b) C    7  2 0
 2 4 1

 1 4 1
 
c) C    7 1 0
 2 4 1

1 4 1
 
d) C   7  3 1
  8 4 1

 x  1 x
1 1 1  
18 - (ITA SP/2014) Sejam A    e B   y  2 y  matrizes reais tais que o produto AB é uma matriz
 y  x 1  z  3 z 
antissimétrica. Das afirmações abaixo:

I. BA é antissimétrica;

II. BA não é inversível ;


t
III. O sistema (BA)X = 0, com X = [x1 x2 x3], admite infinitas soluções,

é (são) verdadeira(s)

a) apenas I e II.

b) apenas II e III.

c) apenas I.

d) apenas II.

e) apenas III.

6
Blog do Enem Matemática – Álgebra: Matrizes.

19 - (ITA SP/2014) Considere as seguintes afirmações sobre as matrizes quadradas A e B de ordem n, com A
inversível e B antissimétrica:

I. Se o produto AB for inversível, então n é par;

II. Se o produto AB não for inversível, então n é ímpar;

III. Se B for inversível, então n é par.

Destas afirmações, é (são) verdadeira(s)

a) apenas I.

b) apenas I e II.

c) apenas I e III.

d) apenas II e III.

e) todas.

2
20 - (UFGD MS/2014) Se A é uma matriz de ordem 2, e A = [aij]2x2 tal que (aij) = i + j e f(x) = x – 5x + 6 e
0
considerando A = I2x2, então, o valor de f(A) é igual a:

2 3
a) A 
7 9 

 0 3
b) A 
12 8

9 3 
c) A 
3 11

12 15
d) A 
18 21

 9 12
e) A 
13 18

21 - (UFRN/2013) Considere, a seguir, uma tabela com as notas de quatro alunos em três avaliações e a matriz M
formada pelos dados dessa tabela.

Avaliação1 Avaliação2 Avaliação3


Thiago 8 9 6
Maria 6 8 7
Sônia 9 6 6
André 7 8 9

8 9 6
 
6 8 7
M
9 6 6
 
7 8 9 

7
Blog do Enem Matemática – Álgebra: Matrizes.

 1
1  
O produto M1 corresponde à média
3  
 1

a) de todos os alunos na Avaliação 3.

b) de cada avaliação.

c) de cada aluno nas três avaliações.

d) de todos os alunos na Avaliação 2.

22 - (UFG GO/2013) Um método utilizado no balanceamento de reações químicas consiste em associar variáveis
aos coeficientes de cada composto e igualar suas quantidades nos reagentes com as quantidades nos produtos, de
modo a obter um sistema de equações lineares.

Por exemplo, a equação química que representa a reação de produção de sulfato de sódio é dada por

Na2O + (NH4)2SO4  Na2SO4 + H2O + NH3

Para o balanceamento da equação, utilizam-se coeficientes x, y, z, w e t, tais que

x Na2O + y (NH4)2SO4  z Na2SO4 + w H2O + t NH3

e, igualando-se as quantidades de cada componente nos dois lados da equação, obtém-se um sistema de equações
nas variáveis x, y, z, w e t.

Para o exemplo apresentado acima,

a) represente matricialmente o sistema de equações lineares nas variáveis x, y, z, w e t ;

b) calcule os menores valores inteiros positivos de x, y, z, w e t, que resolvem o sistema.

 a1 a2 a3 
23 - (UDESC SC/2013) Na matriz A  a 4 a5

a 6  os elementos a1,a2 ,a3 ,...., a8 , a9 formam, nessa ordem, uma
a 7 a8 a 9 
progressão aritmética cuja soma de todos os termos é igual a 18. Já a soma dos elementos de A, que estão situados
acima da diagonal principal, é igual a –6. Dessa forma, conclui-se que A é uma matriz que:

a) possui inversa.

b) é triangular inferior.

c) é triangular superior.

d) não possui inversa.

e) possui apenas elementos negativos situados acima da diagonal principal.

24 - (UEM PR/2013) Uma padaria produz bolos de três tipos. Para fazer 1 kg de cada um dos bolos, são
necessários açúcar, farinha e ovos nas quantidades apresentadas na Tabela A abaixo. Na Tabela B, é apresentado o
preço desses ingredientes.

8
Blog do Enem Matemática – Álgebra: Matrizes.

Seja A a matriz de tamanho 3x3 cujas entradas são as quantidades apresentadas na Tabela A, e B a matriz de
tamanho 3x1 cujas entradas são os valores apresentados na Tabela B. Com relação a essas informações, assinale o
que for correto.

01. O gasto com açúcar, farinha e ovos para fazer o bolo do tipo 1 é maior do que nos demais.

02. O produto A.B é uma matriz cujas entradas representam o custo de cada ingrediente para a produção de 1
kg de cada tipo de bolo.

04. Se a matriz X  x y z representa a quantidade de quilos de cada tipo de bolo produzido, então o produto
X.A é uma matriz que representa a quantidade de cada ingrediente que foi utilizado.

08. É impossível fazer os três tipos de bolos com exatamente três quilos de açúcar, dois quilos de farinha e
uma dúzia de ovos.

16. O determinante da matriz A é não nulo.

 3 1
25 - (FGV /2013) Sabendo que a inversa de uma matriz A é A 1    , e que a matriz X é solução da equação
 5 2 
matricial X.A = B , em que B = [8 3], podemos afirmar que a soma dos elementos da matriz X é

a) 7

b) 8

c) 9

d) 10

e) 11

26 - (IFSC/2013) Na fabricação de três modelos de carro de uma montadora, 1 (luxo), 2 (utilitário) e 3 (popular), são
usados três tipos de fio, A, B e C, para compor a parte elétrica de cada carro. Os comprimentos dos fios são dados
de acordo com o quadro abaixo:

O número de carros montados de cada modelo, nos meses de maio, junho e julho, é dado pelo quadro abaixo:

9
Blog do Enem Matemática – Álgebra: Matrizes.

Assinale a alternativa CORRETA. Nessas condições, a matriz que dá o comprimento dos fios utilizados em maio,
junho e julho, é:

 500 400 470 


 
a) 1100 1050 1120
 550 600 620 

740 560 830


 
b) 910 790 970
570 480 640

300 50 210
 
c) 300 500 400
100 150 240

103 51 73
 
d)  56 105 85
 52 53 64

97 49 67
 
e) 44 95 75
 48 47 56

 1 x 3 2 1 3 a 0 0 
27 - (UECE/2013) Se as matrizes M   y 2 1 , P  4 2 1 e N  0 b 0 satisfazem a igualdade M.N = P, então
 3 2 z  6 2 3 0 0 c 
x + y + z é igual a

a) 3.

b) 4.

c) 5.

d) 6.

 a b   1 0   a   3
28 - (UEPG PR/2013) Considerando a matriz A    , onde a e b são números reais, se         ,
a b   3 1   b   3
assinale o que for correto.
2
01. det (A) = 4a .

b
02. é um número inteiro.
a

04. a + b < 0.

08. a = 2b.

10
Blog do Enem Matemática – Álgebra: Matrizes.

16. a é um número par.

j 2 i 2
29 - (UFGD MS/2013) Sabendo que A = [aij]2x2 e aij = i + j e B = [bij]3x3 e bij = j + i , então, o produto det(A). e det(B)
é um número

a) múltiplo de 5.

b) maior que 15 e menor que 20.

c) múltiplo de 3 e 7.

d) múltiplo de 2,3,4.

e) que possui divisores {1,2,4}.

30 - (ESCS DF/2015) Em determinado fim de semana, o serviço de inspeção sanitária examinou 1.800 passageiros
de voos internacionais que chegaram ao Brasil. Os passageiros foram separados da seguinte forma: os saudáveis
(S); aqueles com alguns sintomas, sem, contudo, confirmação de estarem com doenças contagiosas (D); e aqueles
com casos confirmados de possuírem alguma doença contagiosa (C). Após a análise dos resultados, descobriu-se
que os números referentes a S, D e C satisfazem à seguinte relação matricial:

 2 4 2  S   300 
    
 1 1 1  D  1.800
 1 3  1  C   0 

A partir das informações apresentadas no texto, conclui-se que

a) os números S, D e C estão em progressão aritmética.

b) C > 0,1(S + D + C).

c) 0,35(S + D + C) < D < 0,4(S + D + C).

d) S < 3D.

11
Blog do Enem Matemática – Álgebra: Matrizes.

GABARITO: 16) A

17) D

1) A 18) B

2) C 19) C

3) 19 20) C

4) B 21) C

5) D 22) a)

6) D

7) A

8) a) a = 0, b = 2 e c = –1
b) x = y = z = w = 1 e t = 2.
b) c = 0 e d = –4
23) D
9) C
24) 12
10) A
25) A
11) D
26) A
12) 29
27) D
13) D
28) 07
14) B
29) E
15) A
30) D

12