You are on page 1of 10

Criando Servidor de FTP facilmente no

Ubuntu 14.04 com Proftp


Posted by: cleuberadmin in Dicas e Tutoriais, Linux 08/09/2014 25 Comments 14,939 Views

Provavelmente em algum momento você precisou fazer download de algum arquivo em um


endereço FTP, ou precisou fazer upload de algum dado para um servidor usando este popular
protocolo.
Se você tiver um Web Server então, isso se torna indispensável.
Recentemente instalamos no Ubuntu um Web Server com Lamp, instalamos o WordPress,
instalamos o Proxy com Squid nele, e instalamos o Webmin também.
Bom com um servidor bacana como este podemos instalar o serviço de FTP também, e
utilizaremos o Proftpd para fazer isso, e você verá como é simples.
1 – Abra o terminal e digite
sudo apt-get install proftpd

2 – Pressione “Enter” para confirmar o tipo padrão “autônomo”


3 – Após a instalação, basta editar o arquivo de configuração. Para isso use seu editor de texto
favorito. No exemplo abaixo estou usando o Gedit, com o comando:
sudo gedit /etc/proftpd/proftpd.conf
4 – Agora procure pelo item “ServerName”, por volta da linha 15, e altere o nome “Debian”
para o nome que quiser dar ao seu sevidor de FTP.
5 – Agora procure pelo Item “User” aproximadamente na linha 68.
O nome de usuário padrão é o proftpd, e o grupo está como “nogroup”
Então altere o nome de usuário e grupo, trocando os dois para “ftp”, para o nosso exemplo
deste artigo.
6 – O usuário ftp já existe no Ubuntu, só precisamos definir a senha dele. Vamos fazer isso
com o comando.
sudo passwd ftp

7 – Vamos criar o grupo ftp:


sudo addgroup ftp
8 – Adicione o usuário ftp ao grupo ftp.
sudo addgroup ftp ftp

9 – Vamos alterar o arquivo “/etc/passwd” para podermos usar o usuário ftp.


A linha do user ftp neste arquivo é assim:
ftp:x:118:65534:://srv/ftp:/bin/false

e vamos deixar assim:


ftp:x:118:65534:://home/ftp:/bin/bash

Faça isso utilizando o seu editor de texto, com seguinte comando:


sudo gedit /etc/passwd
10 – Crie a pasta que usaremos para o usuário ftp usando o seguinte comando:
sudo mkdir /home/ftp

11 – Altere as permissões da pasta conforme sua necessidade.


Você pode querer que a pasta seja apenas para download, ou seja leitura, ou que seja para
upload também, ou seja leitura e gravação.
Neste tutorial usaremos o parâmetro 777, que é para leitura e gravação, tanto sua, como do
grupo, e outros também.
sudo chmod 777 /home/ftp

Obs. Exemplos mais comuns de Permissão de pasta

Usaremos o código de cores para facilitar a compreensão quanto ao owner, grupo e outros:
Permissão 644:
644 ou [rw-r–r–]: Proprietário com permissão de leitura e gravação, grupo com permissão
somente de leitura, outros com permissão somente de leitura.
Permissão 755:
755 ou [rwxr-xr-x]: Proprietário com permissão total, grupo com permissão de leitura e
execução, outros com permissão de leitura e execução.
Permissão 777:
777 ou [rwxrwxrwx]: Proprietário com permissão total, grupo com permissão total, outros
com permissão total.
* Para conferir que permissão que a pasta tem agora basta rodar o comando:
ls -la ftp
Se algum arquivo ou pasta estiver com permissão rwxrwxrwx (se houver um “d” antes dos
números, isto indica ser um diretório), quer dizer que ele tem permissão 777 tanto o dono o
grupo e os outros usuários poderão, ler, escrever e executá-lo. 😉

12 – Depois de escolher a permissão reinicie o serviço.


sudo /etc/init.d/proftpd restart

Depois de reiniciar, poderá checar o status com o comando


sudo /etc/init.d/proftpd status

13 – Testando o FTP
De uma outra máquina acesse seu servidor de ftp, abrindo o navegador de arquivos ou da
internet e digitando o endereço do seu ftp.
No exemplo abaixo, usarei uma máquina com Windows para fazer isso através do Windows
Explorer.
Digitei na barra de pesquisa: ftp://192.168.0.194

Ele solicitará usuário e senha, então entrarei com ftp, e senha que defini.
Ele abriu a pasta no FTP para mim, então eu irei copiar e colar este arquivo do Word que está
em minha área de trabalho do Windows para dentro da pasta.

E pronto.
Você poderá criar outras pastas com o mesmo procedimento, e criar outros usuários para
acessar estas pastas.
Também poderá conferir se os arquivos transferidos para dentro da pasta estão lá em seu
servidor.
Bom, é isso aí pessoal.
Se quiserem também gerenciar o seu ProFTPd através da console do Webmin, também é
possível, veja só este ARTIGO.
Abraços,