You are on page 1of 11

REGULARIZAÇÃO URBANÍSTICA DE IMÓVEIS

LEI COMPLEMENTAR 175/2018


 QUEM:
 Todos os imóveis particulares são passíveis de regularização
 Observar condições específicas para regularização, em função da
irregularidade.
 EXCEÇÕES:
 Ocupem, total ou parcialmente, em logradouros e terrenos
públicos, além de praças, áreas de preservação e áreas não
edificantes;
 Estejam localizados em faixas não edificáveis junto a lagos,
lagoas, rios, córregos, fundos de vales, faixas de escoamento
de águas pluviais, galerias, canalizações, linhas de transmissão
de energia de alta tensão, oleodutos e gasodutos;
 Sejam caracterizadas como edificações provisórias, estandes
de vendas, instalações de canteiros de obras e similares;
 Estiverem situadas em áreas de risco;
 Proporcionarem risco comprovados quanto à salubridade,
segurança de uso e estabilidade
 QUANDO:
 Imóveis com obras concluídas ou em fase de
acabamento (revestimento, louças, etc...)
 A lei tem validade até (13/06/2021)

 COMO:
 Atravésde processo de legalização,
característica e habite-se
 O QUE:
 Ocupação indevida de recuos (frontal, lateral e
fundos);
CAT. 1

 Construção acima do Coeficiente de


Aproveitamento Máximo;
 Ocupação do terreno acima do máximo permitido;
 Impermeabilização do terreno acima do máximo
CAT. 2

permitido;
 Dimensões, áreas mínimas dos ambientes ou
aberturas para insolação, iluminação e ventilação
CAT. 3

inferiores ao mínimo estabelecido; (apenas


residenciais unifamiliares)
 Quantidade de vagas para estacionamento de
CAT. 4

veículos em número inferior ao mínimo


estabelecido.
 PROCESSO FISCALIZATÓRIO:
 É passível de regularização independente de
existência de processo fiscalizatório.
 É necessário finalizar o processo fiscalizatório.
 A existência ou inexistência de processo
fiscalizatório influencia no custo.
 Não existindo nenhuma processo fiscalizatório:
 Desconto inicial de 50% sobre o valor de referência a ser
utilizado .
 Existindo alguma processo de fiscalização sobre a obra ou
de habite-se:
 Não se aplica nenhum desconto inicial
 Existindo processo de fiscalização que tenha ensejado
embargo da obra:
 Majoração de 20% no valor de referência a ser utilizado.
 Existindo processo de fiscalização que tenha ensejado
interdição da obra:
 Majoração de 40% no valor de referência a ser utilizado.
 CUSTO DE REGULARIZAÇÃO:
 Base de calculo é o CUB, padrão NORMAL, de
acordo com o uso do imóvel.
 Fator de correção por bairro (0,7 a 1,2)

 CATEGORIA 1:
 Área de regularização x 1 CUB x Fator de Correção
 CATEGORIA 2:
 Área impermeabilizada a regularizar x 20% do CUB x
Fator de Correção
 Plantio de uma árvore à cada 10m2 ou fração a
regularizar.
 CATEGORIA 3:
 Total
das áreas dos ambientes irregulares x 0,5% do
CUB x Fator de Correção.
 CATEGORIA 4:
 Número de vagas a regularizar x 2 CUB x Fator de
Correção.
 CUSTO ANUAL:
 CATEGORIA 1:
 1% Do custo da regularização (sem considerar os
descontos) a ser pago no carnê do IPTU
 Poderá ser cessada a cobrança se o imóvel sanar a
irregularidade
 CATEGORIA 4
 0,75 x CUB x Fator de Correção por vaga
regularizada (sem considerar os descontos) a ser
pago no carnê do IPTU.
 Poderá ser cessada a cobrança se o imóvel sanar a
irregularidade.
 DESCONTOS:
 GERAIS:
 50% Sobre o valor de referência se o contribuinte
buscar a regularização por livre e espontânea
vontade.
 50% Sobre o valor de referência quando se tratar de
imóvel residencial unifamiliar com área total inferior a
100,00m2. (Este segundo se aplica sobre o primeiro, se for o caso)
 ESPECÍFICOS:
 40% de desconto para processo já existentes ou que venha
a ser protocolados até 11/12/2018.
 30% de desconto para processo abertos a partir de 12/12/18
até 09/06/19
 20% de desconto para processo abertos a partir de
10/06/19 até 06/12/19.
 ISENÇÕES:
 Será isento da contrapartida de regularização, bem
como das respectivas taxas:
O imóvel situado em áreas de interesse social, desde que
não se configure como lote padrão
 O imóvel residencial de família com renda total inferior a
três salários mínimos ou meio salário mínimo per capta,
para imóveis de até 200m²
 PAGAMENTO:
À VISTA
 Sem desconto
 PARCELADO (até 24 parcelas)
 IMÓVEIS RITOS 1, 2 E 3
 Parcela mínima de R$ 500,00
 IMÓVEIS RITO 4
 Parcela mínima de R$ 3.000,00
 Aplicação de juros no parcelamento, conforme lei específicas
 OBSERVAÇÕES GERAIS:
 Deverá constar na descrição do imóvel, para fins de averbação
em cartório, a informação da área de regularização a que o
mesmo foi submetido.
 A lei fica em vigor por apenas 3 anos.
 Será definida a forma de comprovação de renda para fins de
isenção.
 Processos pré existentes podem se utilizar da lei antiga.
 O pagamento do valor anual pode ser interrompido se o
proprietário sanar a irregularidade que gerou o referido custo,
a qualquer tempo.
 Deverá ser regulamentado a definição de (“Kit net”) para
efeito deste lei.

Related Interests