You are on page 1of 53

ANÁLISE CLIMÁTICA

Curso: Ciências Ambientais-UFPE


Prof. Lucivânio Jatobá
2018
DISCUSSÃO DO PLANO DE ENSINO DE
ANÁLISE CLIMÁTICA
• EMENTA DA DISCIPLINA
• Climatologia
. conceitos fundamentais.
Climatologia e Meteorologia.. Escalas
geográficas do clima. Elementos e fatores do
clima. Relações Terra- Sol. Circulação
atmosférica geral e secundária. Tipologia
climática. Condições climáticas do Nordeste
brasileiro. Alterações e mudanças climáticas
globais
OBJETIVOS DA DISCIPLINA
• 1- MÓDULO- INTRODUÇÃO À CLIMATOLOGIA
• Objetivos específicos:
• - Situar a Climatologia na Classificação das Ciências da Terra.
• - Diferenciar Meteorologia e Climatologia
• - Conceituar Tempo e Clima
• -Diferenciar as diversas escalas geográficas do clima
• - Conceituar Climatologia Geográfica
• - Analisar as principais variáveis climáticas e suas relações com
os fatores climáticos ( estáticos e dinâmicos)
CRITÉRIOS E INSTRUMENTOS DE AVALIAÇÃO DA
DISCIPLINA ANÁLISE CLIMÁTICA
• Avaliações
• - Duas provas escritas que avaliam o
conhecimento do discente quanto ao que foi
estudado nas unidades didáticas.
• - Pontuação à resolução de atividades práticas
( Estudos Dirigidos etc) em sala de aula .
• - Pontuação à apresentação de seminários
sobre temas relativos aos conteúdos da
disciplina Análise Climática
A AVALIAÇÃO SEGUNDO AS DIMENSÕES
ATITUDINAIS DO DISCENTE EM SALA DE AULA
• SERÃO OBSERVADAS E EVENTUALMENTE PONTUADAS AS
SEGUINTES DIMENSÕES ATITUDINAIS DOS DISCENTES:
• - Atenção durante as aulas
• - Participação nas aulas
• - Disciplina durante as aulas, sobretudo silêncio
durante a exposição oral do docente!!!
• - Não utilização de aparelhos celulares durante as
aulas
• - Participação ativa nos grupos durante a realização
das atividades práticas.
• - Desempenho universitário durante seminários
Recursos Didáticos empregados na
disciplina Análise Climática
• Resumos em Power Point das apresentações
orais do docente
• Textos complementares
• Súmulas das Atividades Práticas
• Questionamentos aos discentes durante a
exposição oral do docente.
Bibliografia Básica
• 1.
Bibliografia Básica
Os climas e a estruturação das
paisagens
• OBJETIVOS
• Ao final da aula , o aluno deverá:
• distinguir Meteorologia de Climatologia;
• Identificar as principais marcas das
influências do clima sobre a paisagem;
• conhecer a classificação das Ciências da
Terra, segundo a classificação de Jean Goguel;
• definir tempo meteorológico e clima
• identificar as escalas geográficas dos climas
OBJETIVOS DA DISCIPLINA
• 2º MÓDULO: A ATMOSFERA TERRESTRE E A AÇÃO DO SOL

• Objetivos específicos:
• -Identificar as relações Terra-Sol e seus efeitos sobre a
dinâmica climática.
• -Analisar as principais características da atmosfera terrestre,
com ênfase na Troposfera.
• -Examinar a divisão da atmosfera terrestre ( estrutura vertical)
OBJETIVOS DA DISCIPLINA
• 3º módulo: INTERAÇÃO ENTRE ELEMENTOS E
FATORES DO CLIMA
• Objetivos Específicos:
• - Analisar as relações entre elementos e fatores
climáticos.
• Examinar os principais aspectos da radiação solar e
terrestre ( ROC e ROL)
• Analisar a temperatura do ar e os mapas das
isotermas.
OBJETIVOS DA DISCIPLINA
• 4º MÓDULO: A ANÁLISE DA PRESSÃO ATMOSFÉRICA E SEUS
EFEITOS CLIMÁTICOS
• Objetivos Específicos:
• -Conceituar pressão atmosférica
• - Caracterizar o comportamento do ar atmosférico
em áreas ciclônicas e anticiclônicas.
• - Identificar os principais centros ciclônicos e
anticiclônicos do Globo.
• -Analisar cartas isobáricas e de imagens de satélite
meteorológico.
OBJETIVOS DA DISCIPLINA
• 5º´MÓDULO: A CIRCULAÇÃO GERAL E A
CIRCULAÇÃO SECUNDÁRIA

• Objetivos Específicos:
• -Analisar a circulação atmosférica geral e secundária.
• Abordar a tipologia de ventos
• - Analisar a estrutura vertical dos alísios
• - Diferenciar ventos de massas de ar
• - Conceituar, caracterizar e classificar as massas de ar
BIBLIOGRAFIA BÁSICA PARA O ALUNO
• ANDRADE, Gilberto Osório de .Climas. In: AZEVEDO, Aroldo de. Brasil , a Terra e o
Homem. São Paulo: Ed. Nacional, 1972, vol. 1.
• ANDRADE , Gilberto Osório de. & LINS, Rachel Caldas Lins. Os climas do Nordeste.
Recife: UFPE-DCG/NAPA, Notas e Comunicaçãoes de Geografia, Série B, Textos
Didáticos nº 11, 1999.
• FINCH, Vernor C. & TREWARTHA, Glenn T. Geografia Física. México: Fondo de
Cultura Económica, 1954.
• JATOBÁ, Lucivânio. O Sistema Climático. Recife: Libertas Editora, 2012.
• JATOBÁ, L; LINS, R.C. ; SILVA, A.F de. Tópicos Especiais de Geografia Física. 2ª
Edição. Petrolina: Progresso, 2014.
• JATOBÁ, L; SILVA, A.F. Estrutura e Dinâmica Atual de Paisagens ( livro eletrônico)
Ananindeua: Ed. Itacaiúnas, 2017.
• MOTA, Fernando Silveira da. Meteorologia Tropical. São Paulo: Nobel S.A, 1979
• SORRE, Maximilien. Fundamentos Biológicos de la Geografia Humana. Barcelona:
Juventud, 1955.
• Textos básicos de diversos autores distribuidos ao longo do semestre letivo.
TEMPO METEOROLÓGICO E CLIMA
• POR QUE ESTUDAR ESSES TEMAS EM
CIÊNCIAS AMBIENTAIS?
• EM QUE SENTIDO SE PODE DIZER QUE OS
CLIMAS INFLUENCIAM O AMBIENTE?
• O QUE É TEMPO METEOROLÓGICO?
• O QUE É CLIMA?
• COMO JULIUS HANN E MAX SORRE
DEFINIRAM CLIMA ? EM QUE SE
DIFERENCIAM AS DEFINIÇÕES?
As mudanças do tempo meteorológico
( Foto: Alineaurea Florentino)
As mudanças do tempo meteorológico2
( Foto: Alineaurea Florentino)
EXEMPLO DE INFLUÊNCIAS DO CLIMA
SOBRE O MEIO AMBIENTE
EPISÓDIO INTENSO DE PRECIPITAÇÃO
E DESLIZAMENTO DE ENCOSTA

http://avaliacaoriscosbc.blogspot.com.br/2013/03/tipos-de-escorregamentos.html
CLIMA E MEIO AMBIENTEClima e
meio ambiente
PLUVIOMETRIA E RESERVATÓRIOS DE
ÁGUA
NOÇÕES GERAIS DE
CLIMATOLOGIA
– 1- O CLIMA- DEFINIÇÕES E ESCALAS
GEOGRÁFICAS
– A) “ClimA – conjunto de fenômenos
meteorológicos que caracterizam o
estado médio da atmosfera , sobre um
determinAdo lugAr” (J. HAnn)
– B) Clima- “é o resultAdo do AndAmento
HAbituAl do tempo” ( mAx Sorre)
– C) Climas zonais, climas regionais,
climas locais e microclimas
Há indícios na paisagem de
manifestações climáticas?
Há indícios na paisagem de
manifestações climáticas?
Há indícios na paisagem de
manifestações climáticas?
ANÁLISE RÍTMICA EM CLIMATOLOGIA
Há indícios na paisagem de
manifestações climáticas?
CLIMAS ZONAIS
CLIMAS REGIONAIS
CLIMAS LOCAIS
Clima Local- Área “serrana” de Belo
Jardim
INFLUÊNCIAS DO RELEVO SOBRE OS CLIMAS
LOCAIS( Belo Jardim)
Faixas de climas locais em áreas
temperadas
MICROCLIMAS
Microclimas
AS ÁREAS VERDES URBANAS
As áreas verdes urbanas são consideradas
como o conjunto de áreas intraurbanas
que apresentam cobertura vegetal,
arbórea (nativa e introduzida), arbustiva ou
rasteira (gramíneas) e que contribuem de
modo significativo para a qualidade de vida
e o equilíbrio ambiental nas cidades.
(Fonte: Ministério do Meio Ambiente,
Brasil)
ÁREAS VERDES URBANAS
ÁREA VERDE: predominância de vegetação
arbórea.
Engloba: praças, jardins públicos e parques
urbanos, canteiros centrais e trevos de vias
públicas.
Áreas verdes do sistema viário
Áreas verdes de uso particular
Áreas verdes públicas e/ou de uso coletivo
A PROTEÇÃO DA VEGETAÇÃO
AS ÁREAS VERDES E O MICROCLIMA
AS ÁREAS VERDES AGEM :
1)interceptando os raios solares

2)reduzindo a temperatura ambiente,


evitando a incidência direta e consequente
reflexo do calor provocado pelo aquecimento
do concreto e do asfalto

3)umidificando o ar ,eliminando água


para o meio ambiente.
A vegetação de áreas urbanas 1
A vegetação de áreas urbanas 2
( Foto Alineaurea F. Silva, 2017)
A vegetação de áreas urbanas-
mudança do tempo
( Foto: Alineaurea F. Silva, 2017)
A vegetação de áreas urbanas
NUVEM DE DESENVOLVIMENTO
VERTICAL
IMAGEM DE SATÉLITE DE 16 DE
AGOSTO 2017
Nuvem de Desenvolvimento Vertical e camada
de inversão
REPRESENTAÇÃO ESQUEMÁTICA DA
ZCIT