You are on page 1of 17

Mitologia

Grega

Professora Alice
 A religião grega era politeísta (muitos
deuses) e antropomórfica (deuses com
forma humana).
 Os gregos imaginavam seus deuses como
seres humanos.
 Havia entre eles parentescos,
casamentos, rivalidades e união.
 Às vezes interferiam nos problemas
humanos.
 Tornavam-se mesquinhos, muitas vezes
castigando aqueles que eram
completamente felizes.
Principais deuses
olimpianos
ZEUS
 Zeus era o mais forte e poderoso
dos deuses.
 Ele teve várias esposas e foi pai de
heróis famosos como Hércules e
Perseu. Por fim, casou-se com
Hera.
 Ele era generoso com as pessoas
boas e impiedoso com aqueles que
faziam coisas erradas ou tentavam
enganar.
 Zeus governou o mundo com poder
do trovão e do raio, usados para
destruir seus inimigos.
Poseidon
Deus dos mares e oceanos, vivia
num palácio no fundo do mar.
 Controlava as tempestades e
terremotos batendo o seu tridente
no fundo do mar.
 Como ele não gostava do herói
Ulisses (Odisseu), provocou
maremotos e destruiu seus barcos
quando ele voltava da guerra de
Tróia, como vingança por ele ter
machucado seu filho, o Cíclope
Políferno.
Hermes
 Era o mensageiro dos deuses.
 Deus do comércio, dos
viajantes, dos ladrões e o
protetor dos comerciantes e dos
rebanhos.
 Tinha um capacete e uma
sandália com asas.
 Conduzia as almas dos mortos
ao mundo inferior e possuía
poderes mágicos para controlar
o sono e os sonhos.
Hefesto
 Era o deus do fogo e vivia em uma caverna
aos pés do vulcão Etna, na Itália,
fabricando armas e outros objetos de metal.
 Ele construía as armaduras, cedros e armas
de Zeus, inclusive seus raios.
 Como nasceu manco e feio, sua mãe, Hera,
atirou-o do alto do Monte Olimpo.
 Ele caiu no mar e foi criado por duas
deusas que lá viviam.
 Já adulto, vingou-se de Hera enviando-lhe
de presente um trono de ouro que ele
mesmo fizera.
 Ao sentar-se, Hera foi presa por correntes
mágicas que ninguém, nem mesmo os
deuses, conseguiam quebrar.
 Hefesto só libertou sua mãe muito tempo
depois convencido pelo deus Dioniso.
 Apesar de feio e manco, era muito forte e se
casou com a mais bela das deusas,
Afrodite.
Ares
 Ares, o deus da guerra, era filho de Zeus
e Hera.
 Ele era alto e muito forte e temido por
todos por ser muito bravo e não pensar
duas vezes antes de brigar com qualquer
deus ou mortal que o contrariasse.
 Mesmo sendo forte, Ares nem sempre
ganhava suas lutas.
 Ares teve uma grande paixão em sua
vida, a deusa Afrodite, com quem teve
vários filhos, entre eles Eros.
 Mesmo depois do casamento de Afrodite
com Hefesto, Ares continuou a amá-la.
 Ele sempre usava seu elmo e sua roupa
de batalha e nunca deixava sua lança ou
espada muito longe, pois estava sempre
pronto para uma boa briga.
Apolo
 Era o deus do sol, da luz, da verdade, da
música e da medicina.
 Filho de Zeus, Apolo era o mais amado
dos deuses.
 Era também deus da profecia,
transmitindo aos seus sacerdotes
respostas para dúvidas dos humanos.
 O templo mais famoso da Grécia era
dedicado a Apolo.
 Para construir esse templo, Apolo teve
matar um serpente chamada Píton que
morava em uma caverna próxima e
amedrontava os moradores da região.
 Apolo é o inventor da adivinhação, da
música e da poesia.
 Era frequentemente visto com sua lira e
com as Musas, as mulheres que davam
inspiração aos poetas, escritores e
músicos para comporem suas obras.
Hera
A rainha dos Deuses era

também irmã de Zeus e
protetora do casamento e das
mulheres.
 Era a mãe de Ares, deus da
guerra; Hefesto, deus do fogo;
Hebe, deusa da juventude; e
Ilícia, deusa do parto.

 Hera sempre foi uma esposa


ciumenta, e frequentemente
perseguia as antigas esposas
de Zeus e seus respectivos
filhos.
 Ela era vingativa e nunca
esquecia uma ofensa.
Atena
 Era a deusa da sabedoria e da
guerra, patrona da cidade de
Atenas.
 Vestia uma armadura de ouro e
era invencível em uma luta.
 Saiu da cabeça de Zeus, já adulta
e vestindo sua armadura dourada.
 Disputou com Poseidon, seu tio, o
título de patrono da cidade de
Cécrope, soberano de Ática,
acabara de fundar na Grécia.
 Atena ganhou a competição e
ofereceu ao povo uma muda de
oliveira, que se tornou o símbolo
da cidade que recebeu seu nome.
Afrodite
 Deusa do amor e da beleza, possuía um
cinturão que a tornava irresistível.
 Foi a causadora da guerra de Tróia
 Éris, a deusa da discórdia, foi a única deusa
que não foi convidada para o casamento de
Peleu e Tétis.
 Para se vingar, arremessou uma maçã
dourada na mesa onde se realizava o
banquete.
 Na maçã estava escrito "Para a mais bela“.
 Atena, Hera e Afrodite começaram a brigar,
cada uma dizendo que a maçã era sua.
 Quando Zeus se recusou a julgar de quem
seria a maçã, as três deusas pediram a
Páris, príncipe de Tróia, para decidir a
questão.
 Cada deusa ofereceu a Páris um presente
para conquistar sua simpatia: Hera
prometeu-lhe que seria um poderoso
governante; Atena, a sabedoria e grande
fama militar e Afrodite ofereceu-lhe a
mulher mais linda do mundo; Helena, a
esposa do rei grego Menelau.
Então Páris declarou Afrodite a mais bela. E
partiu para raptá-la, dando assim início à
guerra de Tróia.
Artêmis
 Deusa da lua e da caça.
 Era irmã gêmea de Apolo.
 Protetora dos animais e das
mulheres grávidas, era independente
e impiedosa com quem a
desrespeitasse.
 Como punição por terem matado
um cervo em seus bosques, Ártemis
impediu os gregos de
navegar até Tróia durante a guerra,
parando os ventos que sopravam as
velas, até que eles lhe oferecessem
uma jovem em sacrifício.
 Assim como Apolo, Ártemis usava
um arco e flecha, com o qual ela
punia mortais que a ofendessem.
Héstia
 A mais amável das deusas do
Olimpo, ela era a protetora dos
lares e sempre procurava acabar
com as brigas entre os outros
deuses.
 Para ela eram oferecidas
orações antes e depois das
refeições.
 Como representava o fogo
sagrado, a maioria das cidades
tinha uma pira para que fosse
feito seu culto; por isso sua
imagem era encontrada em
todos os altares onde eram
realizados sacrifícios com fogo.
Deméter
 Deusa da colheita, dos cereais e dos
frutos.
 Quando Zeus permitiu que Hades
levasse Perséfone, sua filha, para o
mundo inferior, impediu a chegada
da primavera e prejudicou as
colheitas.
 Para que as estações e as colheitas
voltassem, exigiu que Perséfone
passasse um terço do ano
no mundo inferior e o resto do ano
com ela.
 Quando Perséfone ia para o mundo
inferior, Deméter ficava triste e o
tempo mudava trazendo o inverno.
 Quando chegava o momento de sua
filha querida voltar, ela ficava tão
alegre que fazia as flores nascerem
trazendo a primavera e a colheita
farta.
Monte Olimpo
É uma montanha do Norte da Grécia, com o cume
sempre coberto de neve, onde os deuses se reuniam
para discutir os negócios do mundo.
 Era Zeus que presidia as reuniões.
O Culto
 Os homens faziam oferendas para
agradar ou pedir coisas aos deuses.
 Cada família tinha seus deuses
particulares.
 O pai era o sacerdote do culto familiar.
 Os estrangeiros não precisavam prestar
culto aos deuses.
 Os gregos imaginavam os deuses,
atribuíam a eles uma personalidade,
uma história e aventuras.